Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.
email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

A Apple se tornou alvo de um grupo de desenvolvedores de aplicativos para iPhone (iOS). O grupo com dezenas de profissionais exige que a empresa libere a amostra grátis para todos que desejarem comercializar aplicativos desta forma na App Store. Segundo a página oficial, os programadores têm por objetivo negociar com a fabricante condições mais favoráveis para quem cria programas para smartphone.

A ideia é que os usuários tenham uma amostra grátis durante algum tempo antes de efetuar a compra do aplicativo - opção disponível apenas para apps com assinatura. Com isso, a expectativa dos desenvolvedores é alavancar o número de downloads e, por consequência, o faturamento.

Desenvoledores pedem que Apple libere teste para qualquer app (Foto: Divulgação/Apple)Desenvoledores pedem que Apple libere teste para qualquer app (Foto: Divulgação/Apple)

Desenvoledores pedem que Apple libere teste para qualquer app (Foto: Divulgação/Apple)

Atualmente a Apple permite testes dentro da App Store apenas para aqueles aplicativos que cobram assinatura. A amostra grátis pode ser liberada pelo desenvolvedor, que pode definir um período de testes de três dias ou até mesmo um ano.

O problema, aponta o grupo de desenvolvedores, é que mesmo neste formato o usuário ainda precisa autorizar a cobrança pela Apple. Com isso, após acabar o período de teste, o valor é descontado automaticamente na fatura do cartão de crédito.

A proposta é que a amostra grátis seja liberada para qualquer aplicativo, incluindo aqueles que podem ser comprados de uma única vez. Neste caso, os desenvolvedores querem eliminar a autorização de cobrança prévia. É esperado que o usuário não se sinta desencorajado por ser obrigado a confirmar o pagamento antes de testar o aplicativo.

Desenvolvedores que apoiam a causa da The Developers Union (Foto: Reprodução/The Developers Union)Desenvolvedores que apoiam a causa da The Developers Union (Foto: Reprodução/The Developers Union)

Desenvolvedores que apoiam a causa da The Developers Union (Foto: Reprodução/The Developers Union)

O The Developers Union acredita que a amostra grátis poderia aumentar o número de compras, especialmente para aqueles os apps que são mais caros. Em carta aberta à Apple, o grupo espera que isso seja feito até as comemorações do 10º aniversário da App Store, em julho. Outro pedido inclui uma parcela mais igualitária na divisão do valor cobrado pelos aplicativos. Hoje, a Apple fica com 30% do preço de um app. Para aqueles com assinatura, a empresa arrecada 15%.

A marca da maçã não se pronunciou oficialmente sobre as reivindicações dos desenvolvedores. A expectativa fica em torno de possíveis mudanças que a Apple venha anundiar na WWDC 2018. O congresso voltado para os profissionais de TI acontece entre os dias 4 e 8 de junho, nos Estados Unidos. O encontro também deve marcar o lançamento do iOS 12 e apresentar novidades no macOS, watchOS e tvOS.

Números da App Store

Lançada em 2008, a App Store é um dos maiores sucessos comerciais da Apple. A loja conta com mais de 2 milhões de aplicativos e, desde o lançamento, já reuniu mais de 100 bilhões de downloads.

A Play Store tem um número maior de aplicativos, porém possui um faturamento menor. A loja do Google tem 3,6 milhões de apps, com US$ 20,1 bilhões em 2017, enquanto a loja da Apple atingiu US$ 38,5 bilhões. Os dados são da consultoria Sensor Tower.

Com informações: Wired, The Developers Union e Sensor Tower

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.