Cada bala conta em Metro Exodus, novo jogo das produtoras Deep Silver e 4A Games, apresentado na E3 2018. Ainda como um game de tiro em primeira pessoa, Exodus traz um ambiente mais rico visualmente que o título anterior, e profundamente mais punitivo para quem não souber a hora certa de atacar ou de simplesmente se esconder. Com um gameplay de ação e sobrevivência, estudar o melhor uso dos próprios recursos será fundamental para seguir em frente.

O TechTudo participou dos testes do game durante a feira e traz, a seguir, as primeiras impressões. Metro Exodus chega em 22 de fevereiro de 2019 para PS4, Xbox One e PC.

Metro Exodus é um game punitivo; veja teste (Foto: Divulgação/Deep Silver)

Metro Exodus é um game punitivo; veja teste (Foto: Divulgação/Deep Silver)

Em busca de sobreviventes em uma região devastada

Metro Exodus se passa no ano de 2036 e acompanha as aventuras do personagem Artyom, um soldado e membro de um grupo conhecido como Spartans. Sua missão, durante a demonstração na E3, é adentrar a região conhecida como Volga, na Rússia, em busca de recursos e ajudar alguns sobreviventes, sempre que possível.

Repleta de novas experiências e locais para explorar, a área é povoada por criaturas mutantes, bandidos perigosos e fanáticos religiosos. Inclusive, parte da missão durante o teste foi, justamente, investigar o pedido de socorro de uma mãe e filha, que eram mantidas reféns em uma espécie de igreja, onde todas as pessoas contrárias às leis impostas pelo culto eram presas, escravizadas ou executadas.

... class="placeholder-container" style="padding-bottom: 56.2500000000%;"> Na cidade de Volga, de Metro Exodus, há mutantes, bandidos e fanáticos (Foto: Divulgação/Deep Silver)

Na cidade de Volga, de Metro Exodus, há mutantes, bandidos e fanáticos (Foto: Divulgação/Deep Silver)

Ao se aproximar da igreja, você recebe um aviso de um soldado aliado: cuidado com suas ações, nem todos são inimigos. Alguns podem até se tornar nossos aliados depois. Com isso, o jogo te dá a chance de moldar, de certa a forma, a relação do mundo com você. Se optar por atacar e matar as pessoas, dificilmente conseguirá a confiança delas no futuro, mas resolverá a situação mais rápido. Optar por uma abordagem mais furtiva e não letal, pode ter suas vantagens, porém levará mais tempo e mais estratégia.

Visualmente, Metro Exodus traz um vasto e detalhado cenário do Leste Europeu, maior do que em qualquer outro título da franquia, reimaginado com ruínas inundadas de várias vilas e fábricas, onde a vida mudou para sempre há 25 anos após uma guerra nuclear devastar a Terra.

Metro Exodus se passa na Rússia (Foto: Divulgação/Deep Silver)

Metro Exodus se passa na Rússia (Foto: Divulgação/Deep Silver)

Recursos escassos, o ambiente contra você

Este é um game de tiro em primeira pessoa que combina opções mortais de combate e furtividade à exploração e horror de sobrevivência. Tudo isso em um mundo pós ataque nuclear e incrivelmente imersivo. Se você é novo na série e acha que se trata de um jogo de tiro comum, esqueça. A chave para sobreviver em Metro é ser calculista. Nem sempre a melhor abordagem é atirar e acabar com toda a sua preciosa munição - acredite, vai ser difícil encontrar mais pelo cenário. Na maioria das vezes, você perceberá que a melhor estratégia é se esconder e fugir. Guarde sua munição para o inevitável.

Metro Exodus chega no início de 2019 e consegue entregar uma ótima experiência de ação e terror em um único game. Fazendo o jogador raciocinar sobre suas escolhas e a racionar o uso de recursos, o título tem tudo para fazer sucesso entre os fãs de jogos de sobrevivência.

Seja calculista em Metro Exodus e poupe sua munição (Foto: Divulgação/Deep Silver)

Seja calculista em Metro Exodus e poupe sua munição (Foto: Divulgação/Deep Silver)

Qual o melhor jogo de sobrevivência? Conte sua opinião no fórum do TechTudo!



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.