Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.
email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

O The International 2018 (TI), maior campeonato de Dota 2 da atualidade, encerrou sua fase de grupos no último sábado (18) e teve como destaque a eliminação da paiN Gaming. O time, que conta com os jogadores William "hFn" Medeiros, Aliwi "w33" Omar, Otávio "Tavo" Gabriel, Danylo "Kingrd" Nascimento e Heitor "Duster" Pereira, fechou a sua participação no torneio após ficar em último lugar do grupo B, com cinco vitórias e onze derrotas.

A oitava edição do The International tem como palco a Rogers Arena, em Vancouver, Canadá. A premiação total da competição ultrapassa US$ 24 milhões, aproximadamente R$ 96 milhões, em conversão direta. O evento principal, com presença do público, acontecerá entre os dias 20 e 25. Realizado anualmente desde 2011, a paiN Gaming fez história ao ser a primeira equipe brasileira a participar do campeonato de Dota 2.

A equipe foi eliminada doThe Internacional 2018 no último sábado (18) , ainda na fase de grupos (Foto: Divulgação/Pain Gaming)A equipe foi eliminada doThe Internacional 2018 no último sábado (18) , ainda na fase de grupos (Foto: Divulgação/Pain Gaming)

A equipe foi eliminada doThe Internacional 2018 no último sábado (18) , ainda na fase de grupos (Foto: Divulgação/Pain Gaming)

Fase de Grupos

A fase de grupos ocorreu entre os dias 15 e 18 de agosto e contou, inicialmente, com 18 equipes. Na primeira fase, os times foram divididos em dois grupos: A e B, com nove participantes cada. Ao final do quarto dia de confronto, a última colocada de cada grupo seria desclassificada. As quatro primeiras colocadas seguiriam para os playoffs pela Upper Bracket e as outras equipes pela Lower Bracket.

Pelo grupo A, as equipes classificadas, por ordem de classificação, foram: Team Liquid, Evil Geniuses, PSG.LGD, OG, Fnatic, VGJ.Thunder, Mineski e Winstrike. Já no grupo B, se classificaram, por ordem: VGJ.Storm, Virtus.pro, Team Secret, OpTic Gaming, Newbee, TNC Predator, Team Serenity e Vici Gaming. As duas equipes que não irão participar da próxima fase são: Invictus Gaming e paiN Gaming, últimas colocadas, respectivamente, do grupo A e B.

Primeiro dia (15)

No primeiro dia de torneio, a liderança ficou com as equipes norte-americanas Evil Genius (EG) e VGJ.Storm. No grupo A, a EG venceu cinco partidas e foi derrotada apenas uma vez, o que a deixou em primeiro lugar. Já pelo grupo B, a Storm venceu quatro duelos e não teve nenhuma derrota, garantindo a primeira colocação.

Um dos destaques do dia foi a surpreendente vitória da equipe do capitão Johan "pieliedie" Åström, Fnatic, sobre a atual campeã Team Liquid, por 39 x 1. O que garantiu o empate da série entre as duas equipes.

A brasileira paiN Gaming terminou o primeiro dia de evento na sexta colocação do grupo B, com uma vitória e uma derrota sobre a atual vice campeã do torneio, a equipe chinesa Newbee.

Tabela de classificação após o primeiro dia da fase de grupos (Foto: Divulgação/Valve)Tabela de classificação após o primeiro dia da fase de grupos (Foto: Divulgação/Valve)

Tabela de classificação após o primeiro dia da fase de grupos (Foto: Divulgação/Valve)

Segundo dia (16)

No grupo A, a EG venceu os seus quatro confrontos do dia e, com dez vitórias e uma derrota, manteve-se na liderança do grupo.

Pelo grupo B, a Storm continuou em primeiro vencendo três dos quatro jogos.

O primeiro embate da paiN Gaming foi entre a TNC Predator. No primeiro jogo da série, tavo bateu o recorde mundial de ouro por minuto e eliminações de Winter Wyvern em uma partida profissional. A série terminou em empate e o mesmo aconteceu contra a Team Secret. Já o último confronto foi contra a líder do grupo, VGJ.Storm, que venceu por 2 x 0. Assim, a equipe brasileira terminou o segundo dia em penúltimo na tabela.

Tabela de classificação após o segundo dia da fase de grupos (Foto: Divulgação/Valve)Tabela de classificação após o segundo dia da fase de grupos (Foto: Divulgação/Valve)

Tabela de classificação após o segundo dia da fase de grupos (Foto: Divulgação/Valve)

Terceiro dia (17)

No terceiro dia da fase de grupos, com a vitória dos seis jogos do dia, a Team Liquid conquistou a liderança do grupo A. Após duas vitórias e duas derrotas, a EG caiu para o segundo lugar. Pelo grupo B, com três vitórias e apenas uma derrota, a Storm seguiu como líder na tabela.

Após um empate entre a equipe chinesa Vici Gaming, a paiN enfrentou uma das favoritas, a russa Virtus.pro, quando conseguiram novamente um empate. Assim, os brasileiros fecharam o dia em sexto lugar na tabela pelo grupo B.

Tabela de classificação após o terceiro dia da fase de grupos (Foto: Divulgação/Valve)Tabela de classificação após o terceiro dia da fase de grupos (Foto: Divulgação/Valve)

Tabela de classificação após o terceiro dia da fase de grupos (Foto: Divulgação/Valve)

Quarto dia (18)

O último dia da fase de grupos começou complicado para os brasileiros. Com duas derrotas para a equipe norte-americana OpTic Gaming, a paiN precisava de duas vitórias em cima da Serenity para continuar no campeonato. Porém, o time chinês também buscava as duas vitórias para garantir sua vaga nos playoffs. Sem nenhuma vitória no dia, a equipe brasileira paiN Gaming ficou em último lugar no grupo B e encerrou sua participação no The International.

Pelo grupo A, a Winstrike e a Invictus Gaming disputaram uma melhor de três pela última vaga para os playoffs. A equipe russa garantiu sua permanência no campeonato com uma vitória de 2 x 0 sobre a equipe chinesa, que acabou sendo eliminada.

Tabela final de classificação da fase de grupos (Foto: Divulgação/Valve)Tabela final de classificação da fase de grupos (Foto: Divulgação/Valve)

Tabela final de classificação da fase de grupos (Foto: Divulgação/Valve)

Próxima fase

Após quatro dias de muitos confrontos, o The International retorna para o Main Event na próxima segunda-feira (20). A primeira partida será entre a Team Liquid e a OpTic Gaming às 14h, horário de Brasília. O campeonato pode ser assistido ao vivo pela Twitch do jogo.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.