Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Por Victor de Abreu, para o TechTudo


A KaBuM! vai representar o Brasil no Mundial de League of Legends (LoL) 2018. O time garantiu vaga na competição após vencer o segundo split do CBLoL 2018, em final contra o Flamengo. Mas não é a primeira vez que a equipe brasileira participa do evento internacional. Em 2014, os alaranjados marcaram a estreia do país na competição da Riot Games. Relembre, a seguir, a line up do time, a vitória no International Wild Card e os jogos do Brasil no Mundial de 2014.

Cenário competitivo brasileiro do LoL em 2014

Em 2014, Pain Gaming e Keyd Stars inovaram com a contratação de sul-coreanos para suas line ups. A Keyd montou uma espécie de "equipe dos sonhos", com Felipe “Brtt” Gonçalves e os sul-coreanos Park “Winged” Tae-jin e Na “Suno” Sun-ho. Já a Pain recorreu aos reforços asiáticos Han “Lactea” Gi-hyeon e Kim “Olleh” Joo-sung depois de passar por uma crise e sofrer mais de 10 derrotas seguidas.

Com as contratações e melhora do rendimento das equipes, Pain e Keyd tornaram-sem as favoritas ao segundo split do CBLoL 2014, que valia uma vaga para o International Wild Card 2014, torneio classificatório para o Mundial. Porém, foi um time longe dos holofotes que surpreendeu especialistas e torcedores. O quinteto da KaBuM! mostrou que era possível montar uma forte equipe apenas com jogadores do Brasil. Veja, a seguir, a line up dos alaranjados em 2014.

Pedro “LEP” Marcari (Top Laner)

LEP é um dos jogadores mais antigos do cenário e uma referência brasileira para os jogadores da Rota Superior. Conhecido por sua Irelia, LEP chegou na KaBuM! e-Sports após a passagem pela Nex Impetus e a conquista da terceira colocação no CBLoL 2013.

Daniel “Danagorn” Drummond (Jungler)

Danagorn chegou na KaBuM! no começo de 2014, após a aposentadoria do antigo jungler Bruno “bit1” Lima. O jogador da Selva vinha de um vice-campeonato do CBLoL 2013 pela CNB e-Sports Club e sempre se destacou com a campeã Elise.

Thiago “TinOwns” Sartori (Mid Laner)

O destaque da KaBuM! em 2014 vinha da Rota do Meio. TinOwns tornou-se jogador da KaBuM! depois de sua passagem pela Nex Impetus, assim como LEP. O atleta se sobressaiu em vários embates em território nacional e também demonstrou excelente fase em solo internacional: ele foi crucial para as boas atuações de seu time ou para evitar derrotas mais largas.

Gustavo “Minerva” Queiroz (ADCarry)

Essa pode ser considerada uma das contratações mais surpreendentes da história do cenário brasileiro. Isso porque Minerva era conhecido por jogar na Rota do Meio e como Suporte em sua passagem pela Pain. Poucos acreditavam que Minerva seria capaz de executar a função de Atirador com propriedade, mas o jogador mostrou habilidade e calou muitos que criticavam a decisão da KaBuM! ao contratá-lo para essa posição.

Daniel “Dans” Dias (Support)

Assim como Minerva, Dans atuou em mais de uma rota durante sua carreira profissional, mas foi como suporte que ele adquiriu destaque no cenário. Seu auge foi exatamente na KaBuM! ao lado de Minerva, quando ambos foram capazes de jogar de igual para igual contra as melhores Bot Lanes do Brasil e do cenário internacional.

International Wildcard 2014: Kabum! e-Sports 3 x 0 Pineapple Express

Diferente do IWC 2013, onde cinco times disputaram por uma vaga no Mundial, o IWC 2014 foi dividido em dois turnos: um para Turquia, Comunidade dos Estados Independentes e Oceania, e o outro para o Brasil e América Latina.

Representando o Brasil, a KaBuM! teve que enfrentar a Pineapple Express em uma melhor de cinco (MD5) para conseguir sua vaga no Mundial. O primeiro jogo da série foi disparadamente o mais equilibrado: foram quase 55 minutos de uma partida nervosa, mas que terminou com a vitória dos brasileiros. Destaque para o excelente roubo de barão realizado por Danagorn e seu Kha’Zix.

O jogos seguintes foram mais tranquilos para o Brasil. A KaBuM! soube administrar as partidas e contou com atuações impecáveis de TinOwns e Minerva para confirmar, em um placar de 3-0, a primeira participação de uma equipe brasileira no Mundial.

Campeonato Mundial de League of Legends 2014

Finalmente um time brasileiro aterrissava na Competição Mundial de League of Legends. A KaBuM! foi até Singapura para representar a nação da forma como os espectadores gostariam de ver. Infelizmente, o choque de realidade ocorreu, mostrando a discrepância de nível que as demais regiões principais ainda possuíam em relação ao servidor brasileiro.

Começo de campanha no Mundial

O grupo da KaBuM! era composto por Najin White Shield (Coreia do Sul), Cloud9 (América do Norte) e Alliance (Europa). A KaBuM! estreou contra os sul-coreanos da Najin White Shield, que tinha como destaque o suporte Kang “GorillA” Beom-hyeon, hoje na Kingzone DragonX.

Os brasileiros até mostraram um bom early game, mas as rotações dos sul-coreanos eram bem superiores e eles fecharam o jogo aos 25 minutos com uma grande vantagem de ouro. A KaBuM! até mostrou um pouco mais de reação nos primeiros jogos contra a Cloud9 e Alliance, mas não o suficiente.

No quarto e no quinto jogo do Mundial, contra Najin White Shield e Cloud9, os brasileiros melhoraram de performance. Embora tenha perdido, a KaBuM! deu trabalho para os adversários e foi muito mais eficaz.

A vitória contra a Alliance: "This is for KaBuM!"

Já eliminada, a KaBuM! enfrentou a Alliance, campeã europeia que tinha fortes nomes em sua line up. E apesar de não serem favoritos, os brasileiros venceram os europeus. Destaques para LEP (Ryze), que não deu chances para Mike “Wicked” Petersen (Kayle) na Rota Superior, e TinOwns (Ahri), que brilhou em grandes jogadas. A vitória veio em um dive na Rota Inferior iniciado por Danagorn (Elise). O time seguiu prontamente, Minerva (Jinx) e Dans (Morgana) invadiram a base atrás dos últimos abates e, assim, o Nexus foi destruído.

A vitória da KaBuM! favoreceu a Cloud9, que dependia do resultado para avançar aos playoffs do mundial. A equipe norte-americana ganhou forças contra a Najin White Shield, bateu os sul-coreanos e se garantiu na próxima fase. Para agradecer, eles gritaram "This is for Kabum" nos microfones do time antes de derrubar o Nexus.

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Craque do Flamengo em LoL, BrTT dá entrevista ao TechTudo

Craque do Flamengo em LoL, BrTT dá entrevista ao TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.