Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Por Filipe Garrett, para o TechTudo


Impressoras multifuncionais da Canon permitem escanear documentos e digitalizar uma série de materiais por meio do scanner acoplado ao aparelho. É possível gerar cópias digitais de documentos, fotos e imagens com apenas alguns cliques, por meio de ferramentas disponíveis no Windows ou em outros sistemas operacionais suportados por cada modelo de impressora. Nas linhas a seguir, aprenda como escanear na impressora da Canon pelo Windows 10.

Neste tutorial, usamos uma Canon MG3610 no Windows 10. Dependendo do modelo, você pode ainda realizar um passo a passo parecido no macOS, Linux e até mesmo em sistemas Android e iPhone (iOS) por meio dos apps da Canon.

Passo 1. Abra a tampa da multifuncional para ter acesso à mesa do scanner;

Passo 2. Observe que, nas bordas, há marcações que delimitam o tamanho das folhas, facilitando assim o posicionamento do material que você quer escanear;

Passo 3. Seu scanner também deve ter uma indicação que demarca o ponto zero, onde o seu documento deve estar alinhado. É importante alinhar corretamente a página ou foto que você deseja copiar para que a imagem não saia distorcida no arquivo digitalizado;

Passo 4. Após acertar os detalhes no interior do scanner, baixe a tampa e certifique-se de que a multifuncional está conectada ao PC (seja via USB ou Wi-Fi, dependendo do modelo). Depois, vá ao computador. Se sua impressora está corretamente instalada no PC, você deve ter acesso aos apps de controle da própria Canon. No nosso exemplo, usamos o Canon IJ Scan Utility;

Passo 5. Observe que o Scan Utility possui algumas configurações pré-definidas para realizar a cópia de arquivos, documentos e imagens. As configurações garantem resultados melhores, mas você pode ajustá-las ao tocar em “Personalizar”.

Dica: se sua impressora Canon usa outro software de controle, não se preocupe. Mesmo assim, você deve ter acesso a alguns perfis de escaneamento definidos pela fabricante.

Passo 6. No nosso caso, vamos realizar a cópia de um documento e escolheremos essa opção. Basta clicar sobre ela e aguardar;

Passo 7. O processo leva alguns instantes – o tempo varia de acordo com o material. Fotos, por exemplo, exigem maior qualidade de imagem e vão demorar mais. Lembre-se de não abrir a tampa do scanner até que o processo termine;

Passo 8. Ao fim, o Scan Utility pergunta se o usuário deseja realizar outra cópia ou se prefere encerrar;

Passo 9. Ao clicar em “Sair”, o driver do scanner abre a pasta em que o arquivo foi salvo automaticamente. Como escolhemos um documento, o material foi salvo no formato PDF. É importante citar que é possível alterar o formato de arquivo no Scan Utility ou escolher outro perfil: imagens e fotos são salvas em JPG, por exemplo;

Passo 10. Basta abrir o arquivo no aplicativo de leitura de PDFs e ter acesso ao seu documento completamente digitalizado.

Qual a melhor impressora boa e barata? Opine no Fórum do TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.