Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Por Wallace Nascimento, para o TechTudo

O Moto Z3 Play e o Moto Z3 são os novos smartphones da Motorola. Com fichas técnicas intermediária e avançada, respectivamente, os novos integrantes da família Moto Z trazem especificações parecidas, como a tela com bordas finas e o suporte aos Moto Snaps, mas se diferenciam quanto ao processamento. Vendido no Brasil com preços em torno de R$ 1.699, o Moto Z3 Play traz o processador Snapdragon 636, enquanto o Moto Z3, ainda sem previsão de lançamento no Brasil e encontrado nos Estados Unidos a partir US$ 480 (cerca de R$ 1.786 em conversão direta), sai de fábrica com o potente Snapdragon 835, também de oito núcleos. Confira, a seguir, o comparativo dos telefones.

Quer comprar o Moto Z3 Play barato? Encontre os melhores descontos no Compare TechTudo

Moto Z3 com internet 5G; conheça o novo celular da Motorola

Moto Z3 com internet 5G; conheça o novo celular da Motorola

Tela e design

A Motorola repetiu exatamente o mesmo visual em ambos os celulares. Revestidos em vidro, o Moto Z3 e o Moto Z3 Play investem em um display mais alongado e com bordas finas, design adotado pela marca em 2018 com o lançamento do Moto G6. O leitor de impressões digitais, nos dois casos, foi movido para a lateral, como nos celulares da Sony e no Samsung Galaxy A7 (2018).

As telas dos dois celulares repetem as 6 polegadas, com painel Super AMOLED e resolução Full HD+ (2160 x 1080 pixels). A densidade de pixels é de 402 pixels por polegada (ppi) em ambos, valor suficiente para entregar imagens com boa definição e nitidez. Em nossos testes, o Moto Z3 Play apresentou cores vivas e bom constraste.

O ponto negativo fica para a ausência de proteção contra imersão em água, já que ambos os celulares possuem apenas proteção contra respingos. Quanto às cores, o Moto Z3 foi anunciado apenas na edição preta, enquanto o Moto Z3 Play conta com as opções Índigo e Ônix.

Câmeras

Apesar de ambos contarem com o sistema de câmera dupla na traseira, as câmeras do Moto Z3 e do Moto Z3 Play têm algumas particularidades. Enquanto o Moto Z3 Play, mais barato, sai de fábrica com dois sensores traseiros de 12 MP e 5 MP (aberturas de f/1.7 e f/2.2), o Moto Z3 traz duas câmeras de 12 MP, mas com abertura inferior, de f/2.0.

Isso significa, na prática, que o modelo mais em conta deve lidar melhor com fotografias em ambientes nortunos ou com pouca iluminação, já que recebe mais luz no sensor. No review do TechTudo, o Moto Z3 Play se saiu bem nesse quesito, porém, sem impressionar.

Na câmera frontal, para selfies, os números são exatamente os mesmos: o Moto Z3 e o Moto Z3 Play produzem imagens de até 8 megapixels e abertura f/2.0. Ambos gravam em 4K e fotografam com o popular efeito bokeh, que desfoca o fundo das fotos.

Desempenho e armazenamento

As principais diferenças entre os dois smartphones estão no processador. Intermediário, o Moto Z3 Play conta com o Snapdragon 636, da Qualcomm, com oito núcleos de até 1,8 GHz. O Moto Z3, por sua vez, traz o Snadragon 835, chip octa-core mais avançado com velocidade de até 2,35 GHz. A memória RAM, nos dois casos, é de 4 GB – mesmo valor do Galaxy S9, por exemplo.

A expectativa é de que ambos os celulares apresentem bom desempenho em tarefas do dia a dia, porém, o Moto Z3 pode suportar aplicativos mais pesados, como jogos, por exemplo. Durante a análise do TechTudo, o Moto Z3 Play apresentou bastante velocidade e experiência fluida.

O armazenamento interno de 64 GB também se repete, assim como o suporte a cartão microSD de até 2 TB – embora esta capacidade ainda não esteja a venda. Recentemente, o Moto Z3 Play brasileiro recebeu uma versão turbinada com memória interna de 128 GB e RAM de 6 GB, vendida a R$ 2.699 no site da marca.

Moto Z3 Play: conheça o smartphone da Motorola

Moto Z3 Play: conheça o smartphone da Motorola

Sistema operacional

Os dois smartphones contam com o Android 8 (Oreo), com poucas modificações da fabricante, como de costume. Com foco em segurança e otimização de bateria, o sistema ainda traz recursos próprios da Motorola, como o controle por gestos a partir de um botão virtual. A atualização para o Android 9 (Pie) já está confirmada para ambos.

Bateria

Com a mesma capacidade de bateria, 3.000 mAh, a Motorola promete um dia inteiro de uso tanto com o Moto Z3 quanto com o Moto Z3 Play. Este último, vale lembrar, chegou a durar mais de um dia durante a nossa avaliação. Ambos os smartphones ainda incluem na caixa o tradicional carregador TurboPower, que promete 8 horas de carga em apenas 15 minutos.

Recursos adicionais

No Moto Z3 e no Z3 Play, a Motorola manteve o suporte aos mesmos Moto Snaps do Moto Z2 Play e Moto Z2 Force. Estão disponíveis no mercado o Moto Snap Polaroid Insta-Share, para imprimir fotos instantaneamente, e o Moto Snap Stereo Speaker, que transforma o celular em caixa de som, entre outros – os acessórios, vale lembrar, são vendidos separadamente. No Moto Z3, a principal novidade é o Moto Snap 5G, módulo acoplável que conecta o celular à redes 5G e ainda adiciona 2.000 mAh à bateria.

Outros recursos tradicionais da marca, como a Moto Tela, que mostra uma prévia de notificações mesmo quando o display está desligado, continuam presentes. Os celulares também trazem leitor de impressões digitais e biometria por reconhecimento facial.

Preço e disponibilidade

Apenas o Moto Z3 Play está disponível no mercado brasileiro. Com preço sugerido de R$ 2.299 durante o lançamento, o smartphone já pode ser encontrado mais em conta no comércio eletrônico, por R$ 1.699.

O Moto Z3, por sua vez, é comercializado nos EUA por US$ 480, cerca de R$ 1.786 desconsiderando os impostos brasileiros. Ainda não há previsão de lançamento do celular no Brasil.

Deseja conhecer outros aparelhos premium vendidos no Brasil? Confira no Fórum do TechTudo.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.