Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

A Samsung QLED Q7FN é uma TV 4K premium da fabricante que já está à venda no Brasil com preços a partir de R$ 7.599,99, de acordo com o Compare TechTudo. Disponível nas opções de 55, 65 e 75 polegadas, o produto conta com painel de pontos quânticos, tecnologia exclusiva da fabricante que rivaliza com o padrão OLED, presente nos televisores da LG.

LEIA: Smart TV com 'telão' já tem opção mais barata no Brasil 

O modelo tem ainda suporte ao aplicativo SmartThings, hub separado com as entradas e cabo para “conexão invisível”. O TechTudo testou a versão de 55” do aparelho da Samsung e traz mais informações a respeito do desempenho da televisão no dia a dia.

Quer comprar uma TV barata? Encontre os melhores preços no Compare TechTudo


Vale lembrar que o valor está sujeito a alterações, visto que se refere ao menor preço encontrado pelo comparador até a data de publicação da matéria.

Design

Uma característica muito interessante na TV, do ponto de vista estético, é o apoio que a acompanha. No site oficial, existem três opções – inclusive uma que simula um tripé de pintura; o modelo testado veio com uma base de mesa, em prateado. O acabamento arrojado combinou com o rack preto, mas certamente cairia bem com praticamente qualquer cor.

A tela da QLED é "infinita", de bordas bastante finas em preto. Esse é um dos principais responsáveis pela forte sensação de imersão que o produto causa durante filmes e jogos. Além disso, o Modo Ambiente, recurso com baixa exigência de energia que pode simular a parede atrás da TV, indicar hora, clima ou mostrar fotos, também funciona muito bem graças às curtas extremidades.

Samsung QLED Q7FN (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo)Samsung QLED Q7FN (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo)

A traseira do modelo também pode compor bem o ambiente. Ela conta apenas com uma entrada para conectar o cabo “invisível” que liga o monitor ao OneConnect, hub que acompanha o produto. Esse é o principal responsável pela aparência “clean” da televisão, já que traz todas as portas HDMI (4), USB (3), Ethernet, AV, entre outras disponíveis.

Boa opção para ver filmes e séries

A Q7FN tem suporte ao HDR 1500, e de fato entrega imagens com profundidade bastante nítida e cenas bem definidas mesmo em momentos muito escuros ou muito claros. A qualidade da reprodução com relação às cores também merece destaque, uma vez que é possível perceber a intensidade de diversas tonalidades. Juntando esses dois pontos, dá para aproveitar bem os conteúdos vistos na TV. Durante os testes, na Netflix, que inclui informações sobre resolução e se há ou não suporte ao HDR em seus conteúdos, foi possível explorar bem a imagem reproduzida.

Samsung QLED Q7FN (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo)Samsung QLED Q7FN (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo)

Na série “Outlander”, por exemplo, logo na primeira cena há uma paisagem de cores frias, que ficaram muito bem representadas na tela da QLED. A noção espacial de quem está assistindo também ganha bastante com as camadas da imagem, bem delimitadas pela profundidade das sombras. Vale lembrar que a produção traz selo 4K Ultra HD por parte da plataforma de streaming. Outro conteúdo assistido no modelo foi “As Casas Mais Extraordinárias do Mundo”, que apesar não receber a classificação de UHD, apresenta quadros bastante coloridos e não deixa a desejar com relação à qualidade da fotografia.

Esse resultado não vai ser fácil sem uma boa conexão à Internet. Por isso, é aconselhável checar se o roteador instalado no local está em boas condições para transmitir o sinal. Caso contrário, qualquer vídeo reproduzido em streaming, independente das tecnologias de gravação ou da plataforma, não conseguirá alcançar o máximo de detalhes e alta resolução.

Também funciona bem para jogar

A QLED foi testada com um PS4 de primeira geração, sem suporte à resolução 4K, como é o caso do PS4 Pro. O modo jogo, que pode ser ajustado no menu de configurações do SmartHub – assim como os modos normal e dinâmico – é ativado automaticamente, já que o aparelho entende quando uma partida vai começar, por exemplo. Essa troca, que acontece de repente e apaga a tela por aproximadamente 3 segundos, chegou a atrapalhar durante um jogo, mas aconteceu apenas uma vez.

Samsung QLED Q7FN (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo)Hub da Samsung QLED Q7FN (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo)

Um dos jogos testados foi o Fifa 19. Vale destacar como pontos positivos a iluminação e a reprodução das cores do jogo. Apesar disso, é necessário ressaltar também que, pela incompatibilidade com a resolução UHD, durante o game, diversos pontos ficam perceptíveis na tela. Essa situação também acontece ao assistir TV a cabo em HD.

A frequência da tela é de 240 Hz, número bastante alto se levarmos em consideração que a maioria dos televisores no mercado têm até 120 Hz. Dessa forma, os jogos ficaram bastante fluidos, mesmo em situações de muito movimento dos personagens envolvidos.

Outro fator importante para somar é a qualidade do áudio. A Q7FN tem potência total de 40 Watts RMS, além da tecnologia Dolby Digital Plus. Essa é uma característica essencial para quem gosta de games, principalmente jogos de tiro. Um dos títulos testados foi o Star Wars Battlefront 2, que apresenta bons gráficos e movimentos intensos. Foi possível compreender todos os ruídos do game, como tiros, explosões e veículos de sons bastante característicos. Nas partidas do FIFA 19, por sua vez, a sensação é de estar realmente dentro de um estádio de futebol, com a torcida cantando a plenos pulmões.

Samsung QLED Q7FN (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo)Samsung QLED Q7FN (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo)

Recursos

O controle da QLED segue o mesmo padrão premium de design da TV. Os números, por exemplo, foram reunidos em um único botão; ao clicar, a tela mostra os números de 0 a 9 para selecionar com os botões direcionais. Há também a opção de falar os números por meio de comando de voz. Com a Bixby, assistente virtual da Samsung, também é possível iniciar filmes na Netflix, tocar uma música no Spotify e abrir outros aplicativos.

Outra forma de controlar o modelo é por meio dos aplicativos Smart View e Smart Things. O primeiro transforma o smartphone, Android ou iPhone (iOS) em um controle remoto. É possível também comandar o menu principal da TV e selecionar filmes e séries dos aplicativos de forma direta. Já o Smart Things tem a principal função de ser uma central de controle dos eletrônicos conectados da casa. Caso tenha outro aparelho da Samsung compatível com o recurso, você pode monitorar as funções do dispositivo pelo app. Além disso, é possível confirgurar a TV para desligar em certo momento ou mudar de canal em determinada hora.

Samsung QLED Q7FN (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo)Samsung QLED Q7FN (Foto: Yuri Hildebrand/TechTudo)

A principal função da linha premium da fabricante, entretanto, é o modo ambiente, que pode simular, inclusive, a parede que fica atrás da TV. A ideia é passar a sensação de que o aparelho está integrado ao ambiente, sem a tradicional tela preta a todo momento.

Apesar de ser o carro chefe, não foi fácil configurar o recurso. Os ajustes de cor, bastante simples, não foram suficientes para simular o fundo. O destaque positivo fica por conta da possibilidade de deixar na tela informações sobre hora, clima e até camadas que simulam água, areia e paisagem com montanhas.

Outro ponto importante é que a TV não desliga de fato, mas é perceptível que o aparelho não fica 100% ligado, ainda mais pela diminuição da luz emitida. De qualquer forma, o modo ambiente é uma boa opção para inserir a TV no local de forma mais suave.

Custo-benefício

A Q7FN teve um bom desempenho durante os testes e, de fato, é uma boa TV 4K. O produto é vendido por R$ 8.199,00 na loja da fabricante, mas já pode ser encontrada por cerca de R$ 7.599,99, de acordo com o comparador de preços do TechTudo. Em relação à concorrência, a principal rival da linha QLED é a OLED, padrão usado nas telas da LG, que tem aparelhos de 55” na faixa dos R$ 8.000, como é o exemplo da LG OLED C8.

Os recursos oferecidos também são bastante úteis e podem ajudar no dia a dia, como os “momentos” do Smart Things e a possibilidade de controlar o aparelho pelo celular ou por comandos de voz. O modo de jogo é bastante eficiente na hora de jogar, enquanto o modo ambiente valoriza a composição do local. O valor é relativamente salgado em relação a outros modelos 4K disponíveis no mercado, mas o conjunto da obra faz o preço valer a pena. Portanto, se há interesse em investir em uma boa TV 4K, que tenha funções além do básico e entregue boa qualidade de imagem, a QLED Q7FN é uma boa opção de compra.

Smart TV: qual devo comprar? Comente no Fórum do TechTudo



Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.