Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Por Victor de Abreu, para o TechTudo


A Team Secret venceu a Vici Gaming por 3-2, no último domingo (29), e conquistou a ESL One Hamburg 2018 de DotA 2. Em uma série melhor de cinco partidas (MD5), a equipe de Zhang "Paparazi灬" Chengjun mostrou um nível excelente, mas não conseguiu segurar os adversários europeus. Com a vitória, a Team Secret volta para casa com o título e a premiação de US$ 125 mil (cerca de R$ 500 mil em conversão direta). No campeonato, o Brasil foi representado pela paiN Gaming, que bateu nomes conhecidos no cenário e conquistou a quarta colocação no torneio.

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

No primeiro jogo, a Team Secret teve um mid game dominante após o equilíbrio nos minutos iniciais. As estruturas da Vici Gaming foram derrubadas lentamente, o que já indicava uma possível vitória tranquila para a Secret. O problema era que os chineses tinham um Zhou "Yang" Haiyang inspirado e liderando um defensiva forte de sua equipe, o que resultou em duas lutas favoráveis e um Roshan. Um erro de posicionamento, no entanto, custou caro para eles, e a Team Secret teve uma luta excelente aos 47 minutos de jogo, conquistando o Roshan e, logo em seguida, a vitória nesse começo de série.

O segundo jogo teve o domínio chinês por mais de uma hora, enquanto a Team Secret buscava se defender a todo custo. Nos momentos em que a Vici Gaming parecia que levaria o jogo, a equipe de Clement "Puppey" Ivanov conseguia se segurar e frustar seus avanços. Foi assim até Zhang "Paparazi灬" Chengjun, com seu TerrorBlade, abrir o caminho para a vitória de sua equipe. O atleta foi o jogador com mais eliminações na segunda partida da série.

Já no terceiro jogo, a Vici Gaming aproveitou bem os erros da Team Secret para adquirir uma boa vantagem logo no começo do jogo. Aos 12 minutos, em uma luta totalmente favorável para o time chinês, que terminou com um double kill para Zeng "Ori" Jiaoyang com sua Lina, o jogo já se mostrava nada bom para a Team Secret. A equipe se limitou a se defender e a aproveitar dos erros dos chineses, mas não teve sucesso. Com poucas dificuldades, a Vici Gaming fechou a conta aos 35 minutos para virar a série e garantir o Championship Point.

O quarto jogo foi uma disputa de rotações entre as duas equipes, em especial, ao redor do Roshan. Com a vantagem adquirida no começo da partida, a Team Secret tentou forçar esse objetivo várias vezes, mas, além de perdê-lo, ele não foi necessário por conta das boas lutas realizadas. Mesmo que a Vici Gaming estivesse conseguindo aproveitar alguns erros de posicionamento da Secret, a série já estava encaminhada para o último e decisivo jogo.

Por fim, o último jogo da série começou com muitos erros de execução por parte de ambos os times. No entanto, bastou uma chamada ruim da Vici Gaming no Roshan para Yeik "MidOne" Nai Zheng e Ludwig "zai" Wåhlberg brilharem na contestação e tomarem as rédeas da partida. A partir desse momento, os chineses não se reencontraram no jogo e, lentamente, viram as chances de título serem pulverizadas pela Team Secret. A equipe, que viria ser a campeã da ESL One Hamburg 2018, administrou a partida, não jogou fora a vantagem e venceu aos 37 minutos.

Campanha da paiN Gaming

Representante brasileira na competição, a paiN Gaming não fez feio. O time conseguiu a vaga para os playoffs em um grupo difícil, venceu Foward Gaming e Team Aster na Lower Bracket, mas acabou eliminada pela Team Secret, que viria a ser finalista. A campanha da equipe de Danylo "Kingrd" Nascimento rendeu a quarta colocação, na frente de nomes fortes no cenário internacional de Dota 2, como Alliance e Evil Geniuses, e a premiação de US$ 20 mil, cerca de R$ 80 mil.

Você pode conferir a tabela completa da competição abaixo:

LoL ou Dota: qual é o melhor jogo? Opine no Fórum do TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.