Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Por Bruna Niro, para o TechTudo


As finais da ESL Pro League Season 8 vão começar. O campeonato de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO) terá início com a fase de grupos, entre os dias 4 e 6 de dezembro. Serão 16 equipes na disputa, e uma premiação total de US$ 750 mil (aproximadamente R$ 3 milhões em conversão direta). O Brasil terá quatro representantes: MIBR, INTZ eSports, Sharks Esports e a Team Liquid, que conta com o jogador Epitácio “TACO” de Melo e o coach Wilton "zews" Prado. Confira, a seguir, os times participantes, formato da disputa, datas e horários dos jogos.

Times participantes

As vagas para o ESL Pro League Season 8 Finals foram conquistas através de qualificatórias regionais. As equipes qualificadas por região são:

Europa: Astralis, Natus Vincere (Na’Vi), BIG, North, HellRaisers, mousesports e G2 Esports.

América do Norte: MIBR (Made in Brazil), Ghost Gaming, Team Liquid, NRG Esports, Renegades e INTZ eSports.

América do Sul: Sharks Esports.

Ásia: ViCi Gaming.

Oceania: ORDER.

Brasil na ESL Pro League

Os brasileiros têm um retrospecto positivo na competição. Gabriel "FalleN" Toledo, Fernando "fer" Alvarenga, Marcelo "coldzera" David, Epitácio "TACO" de Melo e Lincoln "fnx" Lau conquistaram a ESL Pro League Season 3 em março de 2016, jogando pela Luminosity Gaming. Já em dezembro de 2017, FalleN, fer, coldzera, TACO e Ricardo "boltz" Prass conquistaram a ESL Pro League Season 6, desta vez com a camisa da SK Gaming.

Atualmente FalleN, fer e cold atuam sob a tag MIBR ao lado dos norte-americanos Jacky "Stewie2K" Yip e Tarik "tarik" Celik. Já TACO defende a Team Liquid.

Além do MIBR e Liquid, o Brasil terá mais dois representantes com line ups totalmente brasileiras: INTZ eSports de João "felps" Vasconcellos, Vito "kNgV-" Giuseppe, Marcelo "chelo" Cespedes, João "horvy" Horvath e Alexandre "xand" Zizi; e Sharks Esports que conta com Renato “nak” Nakano, Raphael “exit” Lacerda, Leonardo “leo_drunky” Oliveira, Jhonatan "jnt" Silva e Rodrigo "RCF" Caponero. Ambas as equipes estão atrás do seu primeiro título da ESL Pro League.

Formato da disputa

Dois grupos de oito times irão se enfrentar em um formato de dupla eliminação. As três melhores equipes de cada grupo irão passar para os playoffs, sendo que o segundo e terceiro colocados irão para as quartas de final, enquanto o primeiro colocado irá diretamente para a semifinal. As partidas iniciais serão no modo melhor de uma partida (MD1) e todos os confrontos seguintes serão melhor de três (MD3). A final será uma série melhor de cinco (MD5).

Os grupos ficaram divididos da seguinte forma:

Grupo A: Astralis, ViCi Gaming, Renegades, HellRaisers, Team Liquid, G2 Esports, INTZ eSports e BIG.

Grupo B: MIBR, Sharks Esports, NRG Esports, North, Ghost Gaming, mousesports, Natus Vincere e ORDER.

A premiação total da competição será de US$ 750 mil (aproximadamente R$ 3 milhões em conversão direta), sendo a distribuição por colocação.

Calendário de jogos

Todas as partidas poderão ser acompanhadas ao vivo através da página oficial da ESL Pro League no Facebook. A fase de grupos terá início no dia 4 de dezembro, a partir das 9h (horário de verão brasileiro), com todos os jogos iniciais sendo melhor de um (MD1).

Os demais confrontos da fase de grupos seguem ao longo da semana, passando a ser melhor de três (MD3). No dia 4 de dezembro, os times se enfrentam às 14h e às 17h35. Já nos dias 5 e 6, os jogos acontecem às 9h, 12h50 e 16h40.

Playoffs

7 de dezembro, sexta-feira

13h30 – Quartas de final #1 (MD3)

16h50 – Quartas de final #2 (MD3)

8 de dezembro, sábado

13h – Semifinal #1 (MD3)

16h50 – Semifinal #2 (MD3)

9 de dezembro, domingo

13h – Final (MD5)

Via ESL Pro League e Liquipedia

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.