Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Por Wallace Nascimento, para o TechTudo

Galaxy J5 Prime e Galaxy J7 Pro são dois celulares intermediários lançados pela Samsung em 2017. Apesar de já terem mais de um ano, ambos foram destaque entre os consumidores da última Black Friday. Com proposta mais simples, o Galaxy J5 Prime pode ser encontrado a partir de R$ 770 no comércio eletrônico, a depender da oferta do dia. Entre as especificações estão um processador quad-core, memória RAM de 2 GB e câmera de 13 MP. Já o Galaxy J7 Pro, mais caro, se destaca pela tela de 5,5 polegadas Full HD e pelo processador de oito núcleos. Os preços são a partir de R$ 1.500. Confira, a seguir, as semelhanças e diferenças de ficha técnica.

Galaxy J5 Prime: ainda vale a pena comprar o celular da Samsung em 2018?

Galaxy J5 Prime: ainda vale a pena comprar o celular da Samsung em 2018?

Tela e design

O Galaxy J5 Prime e o Galaxy J7 Pro são bem parecidos, sobretudo pela traseira em metal. Ainda usando um padrão visual mais antigo da Samsung, os aparelhos trazem bordas generosas ao redor da tela e botões físicos e leitor de impressões digitais na parte frontal.

Na tela, o Galaxy J7 Pro sai na frente com um display Super AMOLED de 5,5 polegadas e resolução Full HD (1920 x 1080 pixels). No Galaxy J5 Prime, os números são consideravelmente inferiores. Além do painel LCD de 5 polegadas, o smartphone tem resolução HD (1280 x 720 pixels). Em nossos testes, o display foi um dos pontos negativos às cores pouco definidas e brilho humilde.

Os dois smartphones contam com três opções de cores. Os consumidores podem escolher o Galaxy J5 Prime em preto, dourado ou rosa. O Galaxy J7 Pro, por sua vez, é comercializado em preto, dourado e azul.

Câmeras

Ambos devem entregar resultados satisfatórios nas fotografias. No Galaxy J7 Pro, a fabricante repetiu os 13 megapixels tanto na câmera frontal quanto na traseira. A diferença fica na abertura: f/1.7 no sensor traseiro e f/1.9 para as selfies.

O Galaxy J5 Prime, por sua vez, tem números mais modestos. São 13 megapixels na traseira (f/1.9) e apenas 5 megapixels na frontal (f/2.2). Em nossa avaliação, o aparelho se saiu bem em ambientes com luz natural, mas decepcionou nas fotos noturnas.

Desempenho e armazenamento

Os dois celulares contam com fichas técnicas intermediárias. O Galaxy J7 Pro, entretanto, deve trazer resultados superiores neste quesito. Enquanto o aparelho traz um processador de 8 núcleos, o Galaxy J5 Prime conta com um chipset com apenas 4.

A memória RAM e o armazenamento interno também são distintos: são 3 GB e 64 GB no Galaxy J7 Pro e apenas 2 GB e 32 GB no Galaxy J5 Prime. Nos dois casos, é possível expandir a memória via cartão microSD.

Bateria

A bateria foi um dos pontos positivos do Galaxy J5 Prime no review do TechTudo. Com 2.400 mAh, o celular surpreendeu e durou um dia e meio de uso moderado. A boa autonomia tende a se repetir no Galaxy J7 Pro, que conta com 3.600 mAh.

Sistema e recursos

Enquanto o Galaxy J5 Prime foi lançado com o Android 6 (Marshmallow), o Galaxy J7 Pro sai de fábrica com o Android 7 (Nougat). A boa notícia é que ambos receberam atualização para Android 8 (Oreo).

Além dos diversos aplicativos disponíveis na interface Samsung Experience, os dois trazem recursos especiais da fabricante, como a Pasta Segura e o Dual Messenger, capaz de rodar simultaneamente duas contas de WhatsApp e outros apps de mensagens.

Entre os extras ainda estão o já mencionado leitor de impressões digitais, as entradas para fones de ouvido (3,5 mm) e a possibilidade de usar dois chips de operadora, recurso conhecido comercialmente como Samsung Duos.

Preço e onde comprar

O Galaxy J5 Prime chegou ao Brasil com preço de lançamento de R$ 999, mas atualmente é vendido a partir de R$ 770 no comércio eletrônico. Mais caro, o Galaxy J7 Pro chegou ao país por R$ 1.699 e também está mais barato, na faixa de R$ 1.500.

Relembre os celulares que marcaram 2018

Relembre os celulares que marcaram 2018

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.