Por Fernando Sousa, para o TechTudo

16/04/2019 08h00 Atualizado 2019-04-16T11:00:59.480Z


O Ryzen 7 2700X da AMD é um processador para desktop que promete alto desempenho para rodar programas mais pesados. O modelo disputa espaço também no mercado intermediário, concorrendo diretamente com opções como Intel Core i7 e Intel Core i9. Parte da segunda geração da linha, o chip é considerado um dos mais avançados atualmente para desktops, e pode ser uma ótima opção até para usuários mais exigentes.

Com relação às especificações, a CPU conta com arquitetura Zen, que utiliza soquetes AM4, e oferece ainda 8 núcleos, clock básico de 3,7 GHz e Max Boost de 4,3 GHz. O Ryzen tem preços a partir de R$ 1.698, segundo o site oficial da fabricante. Confira a seguir mais detalhes sobre o chip e saiba se ele vale a pena para você.

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Especificações

O Ryzen 7 2700X é um processador de alto desempenho, e conta com recursos que corroboram essa proposta. Ao todo, são oito núcleos e 16 threads, com frequências que variam entre 3,7 e 4,3 GHz. Uma diferença importante em relação à concorrência é que os processadores da AMD são todos desbloqueados para overclock, permitindo aos usuários mais avançados obterem ainda mais desempenho das CPUs.

Assim como na primeira geração dos processadores Ryzen (série 1000), os Ryzen 2000 utilizam o mesmo soquete AM4. Quem tem um modelo da geração anterior de processadores e pensa em migrar para a nova geração, só precisa realizar uma atualização na BIOS da placa mãe. O Ryzen 7 2700X é produzido em 12 nm e possui TDP padrão de 105 Watts.

Desempenho

A AMD ressalta que os processadores Ryzen foram desenvolvidos para oferecer boa performance em múltiplas tarefas. Esse foco da empresa fica evidente na presença de muitos núcleos, o que deve agradar tanto o público gamer quanto os profissionais que utilizam softwares com capacidade para utilizar todos os threads disponíveis.

O Ryzen 7 2700X é indicado para rodar jogos com altas taxas de quadros e realizar streaming executando outros programas em segundo plano sem comprometer o desempenho. O processador da AMD possui notas altíssimas em softwares de benchmark e pode ser considerada a solução definitiva da AMD para o público geral.

Consumo

Com todo esse poderio, o Ryzen 7 2700X é um processador exigente no que diz respeito a energia, atingindo uma TDP de 105 Watts. Se você deseja realizar overclock, é melhor considerar uma solução mais avançada de arrefecimento, já que, ao elevar o clock, além de demandar mais energia, é possível que que o Ryzen 7 2700X ultrapasse os 85ºC indicados como temperatura máxima de operação.

Placa mãe

Os modelos Ryzen já estão há um bom tempo no mercado, o que faz com que inúmeras placas compatíveis com o soquete AM4 já estejam no mercado. Além de chipsets de entrada, os mais avançados da primeira geração também dão suporte aos processadores novos.

Antes de adquirir uma placa mãe para o Ryzen 7 2700X, verifique apenas se a mesma já possui a BIOS compatível com o novo modelo. Em alguns casos, para realizar essa atualização é necessário um chip compatível para ligar a placa e fazer o update da BIOS. Isso permite aos novos processadores o uso em placas antigas, sem a necessidade de comprar uma nova.

Concorrentes

Pelo lado da Intel, o processador correspondente, em relação ao t

... ipo de uso e preços, é o Intel Core i7 9700K. O sufixo K no modelo indica que é um modelo desbloqueado para overclock, o que denota sua inclinação ao público mais exigente. Apesar de ser ideal para games, o modelo não conta com tantos núcleos quanto o modelo da AMD.

O Core i7 9700K é um processador de oito núcleos e oito threads, com clocks entre 3,6 e 4,9 GHz. Os processadores Intel de nona geração não traz o mesmo soquete de gerações anteriores, sendo necessário trocar a placa mãe do computador para realizar o upgrade. Ele pode ser encontrado à venda pelo valor médio de R$ 1.800.

Outro rival do processador da AMD é o Intel Core i9 9900K, processador que possui, assim como o Ryzen 2700X, oito núcleos e 16 threads. Esse chip da Intel é desenvolvido em 14 nm e conta com clock que varia entre 3,6 e 5,0 GHz.

Além disso, a CPU oferece ainda a solução integrada Intel UHD Graphics 630 e suporte para até 128 GB de RAM. Assim como o modelo anterior, o i9 9900K também é um processador de nona geração. O chip faz parte de um segmento mais avançado da Intel, e por conta disso aparece com preço médio de R$2.700.

Custo-benefício

Utilizar um processador AMD Ryzen 2700X, além de ser uma opção mais em conta em relação aos processadores da Intel, o chip é uma alternativa que permite ao usuário mudar entre as gerações sem precisar adquirir uma nova placa mãe. Outro destaque são as 16 threads possíveis, que permite diversas atividades simultâneas nos computadores atuais. A AMD deve anunciar ainda a série 3000, que vai ser compatível com as placas mãe AM4 atuais.

AMD ou Intel: qual processador comprar? Tire suas dúvidas no Fórum do TechTudo



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.