Por Lucas Batista, para o TechTudo

18/05/2019 07h30 Atualizado 2019-05-18T10:30:54.960Z


Os esports são um fenômeno em todo o mundo. Torneios de jogos como Counter Strike: Global Offensive (CS:GO), League of Legends (LoL) e DotA 2 fazem sucesso, distribuem prêmios milionários e batem recordes de audiência. Porém, alguns games famosos entre os players casuais não conseguiram emplacar no competitivo. As consagradas franquias Call of Duty e Pokémon, por exemplo, tentaram entrar no universo das competições e não tiveram o resultado esperado. Confira, a seguir, cinco exemplos de games consagrados que não alcançaram o sucesso nos esports.

Call of Duty

Distribuído pela Activision, a franquia Call of Duty figura entre os jogos mais vendidos da história. A série marcou época e ditou tendência entre os FPS, principalmente por sua popularidade nos consoles. CoD oferece diversos modos de jogo e armas, com grande possibilidade de customização de movesets. Foi essa também a série que introduziu os killstreaks em jogos multiplayers online, ferramenta replicada em diversos outros games.

Com torneios de alta premiação organizados pela própria Activision, CoD tinha tudo para preencher a lacuna de um grande FPS competitivo nos consoles, já que games como CS:GO e Rainbow Six: Siege têm seus principais torneios sediados na plataforma PC. Porém, a falta de estabilidade causada pelo lançamento anual de um jogo inteiramente novo dificulta a construção de um cenário competitivo. Além disso, a comunidade do game permaneceu muito localizada na América do Norte, faltando internacionalização. Como prova, todos os 20 jogadores que mais arrecadaram com torneios de CoD são norte-americanos, com Damon "Karma" Barlow, o primeiro da lista, sendo canadense, e todos os outros estadunidenses.

Battlefield

Battlefield é uma das maiores séries distribuídas pela EA. Principal concorrente de Call of Duty, BF também faz muito sucesso com seus lançamentos anuais. Com games que retratam tanto as duas guerras mundiais quanto hipotéticas guerras modernas, a franquia chama atenção pela parte gráfica e mapas destrutivos. Disponível para PlayStation 4, Xbox One e PC, o jogo frequentemente figura entre os dez mais vendidos do ano.

Jogadores brasileiros como André "nesk" Oliveira, Júlio "julio" Giacomelli e Leo "ziGueira" Duarte passaram grandes períodos de suas carreiras jogando Battlefield, mas acabaram migrando para outros games. A maioria dos torneios do jogo é organizada pela própria comunidade sem patrocínios. Além disso, BF conta com uma alta concorrência entre os FPS para PC, já que games como CS:GO e Rainbow Six já estão estabilizados no cenário.

Pokémon

Pokémon é uma das maiores franquias de jogos do mundo. A série de RPG foi exportada como anime e foi até mesmo para os cinemas, com o filme mais recente Detetive Pikachu. No mundo dos jogos, Pokémon marca presença como uma das obras mais vendidas para os portáteis da Nintendo, e também fez história com Pokémon GO, disponível para celulares Android e iOS.

No mundo competitivo, há torneios de Pokémon TCG (jogo de cartas) e também de VGC, o habitual RPG dos portáteis. Ambos possuem uma comunidade extensa, espalhada por todo o mundo, mas pequena se comparada à quantia de pessoas que jogam o game casualmente. A causa disso pode ser a premiação baixa dos torneios, que não estimulam o player a se dedicar profissionalmente ao jogo. Pokémon VGC, por exem

... plo, está na centésima colocação entre os games que mais distribuíram dinheiro em competições.

Diablo

Diablo é uma das franquias mais tradicionais da Blizzard. A terceira sequência da saga de RPG é um sucesso comercial e está disponível para as plataformas PC, Playstation 4, Playstation 3, Xbox One, Xbox 360 e, mais recentemente, para Nintendo Switch. Por ser uma experiência online, o game conta com uma grande comunidade de jogadores.

Porém, apesar da comunidade grande, o jogo não se desenvolveu competitivamente, ao contrário de outros jogos da Blizzard. StarCraft 2, World of Warcraft, Hearthstone e Overwatch são exemplos de games da mesma produtora com cenários de esports bem estabelecidos. Diablo mal teve campeonatos organizados pela Blizzard, não figurando sequer na lista dos 100 games com maior distribuição de prêmios nos esports.

Madden NFL

Produzido pela EA Sports, Madden NFL representa bem a sensação de jogar o esporte americano, sendo um sucesso de vendas ano após ano entre os fãs do jogo. Apesar disso, o game não repete o sucesso em seu cenário competitivo.

Apesar de ser popular, o jogo teve poucos torneios. Por se tratar de um simulador da NFL, o game tem seu sucesso alavancado pela temporada do esporte tradicional, mas não consegue se tornar um esporte eletrônico independente. Por exemplo, a versão que mais distribuiu dinheiro em premiações, o Madden NFL 2017, só teve cinco torneios oficiais durante todo o ano vigente do jogo, não sendo suficiente para que um jogador se dedique profissionalmente.

Quer comprar jogos, consoles e PCs com desconto? Conheça o Compare TechTudo



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.