Por Thássius Veloso (redação) e Felipe Garrett (colaboração)

12/06/2019 15h56 Atualizado 2019-06-12T19:57:41.060Z

O Google surpreendeu a todos ao postar a primeira imagem oficial do Google Pixel 4. O smartphone de ponta está previsto para outubro, mas figurou em diversos vazamentos nos últimos dias. Para dar fim ao fluxo de informações de bastidores, o próprio fabricante veio a público para revelar o sucessor da linha composta por Pixel 3 e Pixel 3 XL, lançamentos de 2018.

A principal diferença está na superfície traseira: o módulo de câmera ficou quadrado com cantos arredondados. É possível observar três sensores, um deles dedicado a detectar a proximidade de objetos e pessoas. Seria uma adição interessante para melhorar o modo retrato, recurso que virou febre entre os telefones mais recentes. Além disso, é a primeira vez que um produto Pixel não aposta em leitor de digitais na parte de trás.

Há ainda um flash. O botão liga/desliga continua na lateral direito do smartphone. O produto com acabamento em preto traz o componente num tom mais claro, próximo do cinza. O tradicional ícone de “G” também marca presença.

“Bom, uma vez que parece haver algum interesse, aqui vai! Espere até ver o que ele é capaz de fazer.” Foi assim que o gigante da tecnologia se referiu ao futuro produto. Por ora não há imagens sobre a superfície frontal. A expectativa é de que sejam apresentados dois modelos, um deles com display maior e ausência de notch.

A imagem oficial do Google não mostra a face dianteira do telefone, o que acaba não resolvendo a grande incógnita lançada pelas renderizações extraoficiais em circulação na internet: o aparelho pode acabar trazendo um sistema de câmera dupla dentro da tela, seguindo um design semelhante ao do Galaxy S10.

Os renders, vale lembrar, são imagens sintetizadas a partir de arquivos de modelagem 3D a que os responsáveis pelos vazamentos têm acesso. Em geral, esses modelos são usados por fabricantes de capinhas de celular, que precisam ter acesso ao design final do smartphone com algum tempo de antecedência para produzir seus acessórios.

Em termos de recursos, os rumores mais quentes falam em um celular com um sistema inovador de interações por gestos, que usaria um sensor especial para ler os movimentos da mão do usuário. Sem leitor de digitais em evidência na traseira, o Pixel 4 poderia contar com um leitor sob a tela, ou depender apenas do reconhecimento facial como método de autenti

... cação biométrica.

O Pixel 3 é vendido em três opções de cor: preto, branco e rosa. A ficha técnica cita armazenamento de 64 GB ou 128 GB; memória RAM de 4 GB; câmera principal de 12,2 megapixels; e câmera frontal de 8 megapixels. Chegou aos Estados Unidos por valores a partir de US$ 599. Dá o equivalente a R$ 2.310 pelo câmbio do dia. O escritório local do Google não trouxe a linha para o Brasil.

História em desenvolvimento. O texto será atualizado.



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.