Por Marlon Camara, de Los Angeles

14/06/2019 00h16 Atualizado 2019-06-14T03:16:54.901Z


Call of Duty Mobile é um jogo de ação mobile para iOS e Android que vale a pena. Testamos a demo do novo game na E3 2019, em Los Angeles, e ficamos impressionados com a qualidade dos gráficos e a ótima jogabilidade do título, que se mostrou muito divertido e viciante. Gratuito, o jogo, porém, ainda não tem uma data de lançamento definida.

A franquia chegou aos celulares

O título traz dois modos de jogo: multiplayer e Battle Royale. Na demo apresentada, ainda aparecia um terceiro modo, com a imagem de um zumbi e o aviso de "em breve" sobre ele. Em ambas as opções disponíveis o game se mostrou muito divertido, levando todos os jornalistas da sala a interagirem e brincarem uns com os outros, mesmo sem se conhecer.

Os gráficos do título chamam atenção por estarem à frente do que estamos acostumados em jogos mobile. Os detalhes das armas e os cenários são belos, e levam a experiência dos Call of Duty de consoles e PCs para os celulares com muita competência. Inclusive nos movimentos e animações dos personagens, o game remete diretamente aos títulos anteriores da série.

Em questão de jogabilidade, normalmente o grande ponto fraco de games mais complexos para celulares, Call of Duty Mobile consegue se safar com algum mérito. Apesar de trazer os clássicos comandos para controle na tela - joystick de movimentação no canto esquerdo e botões de ação no canto direito -, ficou claro que o game se preocupou com o excesso de comandos e botões disponibilizados.

Assim, o COD tenta facilitar a vida de quem não está acostumado a jogar pelo smartphone, e aparece com duas formas de jogar: o modo simples, que não traz um botão para atirar, com o personagem disparando automaticamente quando um inimigo passa por sua mira; e o modo avançado, que possui mais botões, incluindo o de tiro.

Battle Royale disponivel

O Battle Royale é um dos principais atrativos do novo game. O modo traz basicamente a mecânica dos demais jogos do seguimento, em um grande mapa que vai se estreitando e colocando os adversários cada vez mais próximos, até só restar um sobrevivente. O curioso deste modo é que ele, apesar de ainda parecer com Call of Duty, traz alguns detalhes mais "engraçadinhos". Uma das classes disponíveis é a do Palhaço,

... que tem como arma secreta um brinquedo que, quando explode, invoca um zumbi.

O Call of Duty Mobile, de acordo com os produtores, só vai ser lançado "quando perceberem que ele está perfeito". Ou seja, o game ainda não tem qualquer previsão de chegar ao mercado. O que já se sabemos é que ele vai ser de graça, disponível para Android e iOS e, pelo que vimos no teste, com certeza vai valer muito a pena ter no celular.



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.