Far Cry 4 tem desafios não somente contra inimigos “humanos” como também contra os muitos animais das florestas de Kyrat. A variedade de bichos que podem atacar, e matar, Ajay é enorme. O TechTudo fez uma lista com alguns dos mais perigosos. Confira quais são, e como agir contra cada um deles. Far Cry 4: Ubisoft prega peça em usuários piratas e remove funções do game
Matar animais é fundamental para a sobrevivência (Foto: Thiago Barros/Reprodução)
Leopardos, cachorros e lobos Estes são animais velozes, que atacam rapidamente, e com inteligência, ainda mais se o game estiver no nível mais difícil. É preciso tomar muito cuidado com eles, e a forma que pode ser mais eficiente é usar armas com disparo e recarga rápidas, porque os animais, normalmente, atacam em bando. “Piranhas” e tubarões São dois dos animais mais difíceis de enfrentar, porque se eles aparecem na sua frente na água, não há o que fazer – afinal, é impossível atirar de dentro d’água. Por isso, evite, quando possível, nadar sem prestar atenção ao seu redor. E, caso os veja, tente ir para uma das margens próximas, e atire de lá. Assim, eles fogem. Rinocerontes e elefantes Não vale a pena perder tempo com estes animais. Têm casca grossa, são difíceis de perder dano, e podem acabar te matando. Por outro lado, são relativamente lentos. O comportamento ideal é evitá-los. No caso dos elefantes, caso você tenha a habilidade para montar neles e usar como transporte, são muito mais úteis assim.
Rinocerontes são quase impossíveis de matar...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.