Biscoito ou bolacha? Em todo o Brasil, a discussão parece ser eterna. Há regiões em que o termo mais popular é biscoito, escrito no pacote. Em outras, bolacha. Há quem diga que os dois são a mesma coisa. Também há quem defenda que há diferenças no preparo. Perguntamos ao Google quem é o mais buscado, logo, o mais popular (ao menos na Internet). Veja qual é o mais pesquisado no seu estado.

Como remover o Express Find do Google Chrome e do Internet Explorer

Biscoito x Bolacha (Foto: Arte/TechTudo)Biscoito ou Bolacha? Google Trends põe fim à briga eterna em todo o Brasil (Foto: Arte/TechTudo)

Região Norte - BISCOITO

Para cada estado do Brasil e também para o país, em geral, o Google apresenta um "volume de pesquisa". Para biscoito e bolacha ele varia, conforme a popularidade do termo usado nas pesquisas.

No Acre, não há nem sequer volume de pesquisas por bolacha (Foto: Reprodução/Google Trends)No Acre, não há nem sequer volume de pesquisas por "bolacha" (Foto: Reprodução/Google Trends)

Acre: 42 para biscoito e 0 para bolacha.

Amapá: 38 para biscoito e 0 para bolacha.

Amazonas: 40 para biscoito e 22 para bolacha.

Rondônia: 47 para biscoito e 40 para bolacha.

Roraima: 44 para biscoito e 0 para bolacha.

Pará: 40 para biscoito e 16 para bolacha.

Tocantins: 48 para biscoito e 30 para bolacha.

Apesar de não apresentar um índice muito alto em nenhum dos termos, o biscoito vence em disparada na região Norte, em todos os estados. Em alguns, como Acre, Amapá e Roraima, o índice de pesquisas por “bolacha” no Google não saiu do zero. O que não significa que não existe, mas é irrelevante.

Região Nordeste - BISCOITO

Volume de pesquisas por bolacha no Nordeste não passa dos 19, no Rio Grande do Norte (Foto: Reprodução/Google Trends)Volume de pesquisas por "bolacha" no Nordeste não passa dos 18 (Foto: Reprodução/Google Trends)

Alagoas: 45 para biscoito e 18 para bolacha.

Bahia: 55 para biscoito e 15 para bolacha.

Ceará: 48 para biscoito e 16 para bolacha.

Maranhão: 39 para biscoito e 11 para bolacha.

Paraíba: 37 para biscoito e 17 para bolacha.

Pernambuco: 50 para biscoito e 15 para bolacha.

Piauí: 30 para biscoito e 10 para bolacha.

Rio Grande do Norte: 44 para biscoito e 18 para bolacha.

Sergipe: 64 para biscoito e 14 para bolacha.

No Nordeste, o biscoito também se consagra campeão de buscas, vencendo o “rival” em todos os estados. Enquanto isso, o índice de procura por “bolacha” não passa dos 19. A maior diferença é em Sergipe, que registra índice de 64 para biscoito e apenas 14 para bolacha, com um leve suspiro.

Região Centro Oeste - BISCOITO

No Centro Oeste, biscoito ganha mais uma vez (Foto: Reprodução/Google Trends)No Centro Oeste, "biscoito" ganha mais uma vez (Foto: Reprodução/Google Trends)

Distrito Federal: 100 para biscoito e 36 para bolacha.

Goiás: 65 para biscoito e 30 para bolacha.

Mato Grosso: 45 para biscoito e 64 para bolacha.

Mato Grosso do Sul: 48 para biscoito e 54 para bolacha.

Mais uma vez, o biscoito se consagra campeão, agora na região Centro Oeste. Apesar do termo bolacha vencer a disputa em dois estados, Mato Grosso e

... Mato Grosso do Sul, a diferença não é suficiente para fazer com que ganhe em toda a região.

É da região Centro Oeste que sai o estado (ou distrito) com maior índice de buscas por biscoito no país. No Distrito Federal, o termo alcançou índice máximo de 100, enquanto a bolacha obteve apenas 36.

Região Sudeste - BISCOITO, TAMBÉM.

Sudeste é a região brasileira com mais buscas pelo termo biscoito no Google (Foto: Reprodução/Google Trends)Sudeste é a região brasileira com mais buscas pelo termo "biscoito" no Google (Foto: Reprodução/Google Trends)

Espírito Santo: 91 para biscoito e 10 para bolacha.

Minas Gerais: 89 para biscoito e 26 para bolacha.

Rio de Janeiro: 81 para biscoito e 13 para bolacha.

São Paulo: 46 para biscoito e 55 para bolacha.

Apesar de a maior discussão entre qual dos termos é o correto ser entre paulistas e cariocas, nem mesmo em São Paulo as buscas por bolachas foram tão maiores do que as por biscoitos. Com apenas nove pontos a mais, não teve como “salvar” a região Sudeste, aonde o biscoito ganha em disparada.

Região Sul - BOLACHA.

É possível ver o azul mais escuro na região Sul, indicando aonde a pesquisa por bolacha é maior (Foto: Reprodução/Google Trends)É possível ver o azul mais escuro na região Sul, indicando onde a pesquisa por "bolacha" é maior (Foto: Reprodução/Google Trends)

Paraná: 35 para biscoito e 79 para bolacha.

Rio Grande do Sul: 29 para biscoito e 92 para bolacha.

Santa Catarina: 32 para biscoito e 100 para bolacha.

A região Sul é a única do país na qual a bolacha supera o biscoito, pelo menos em nível de buscas no Google. Nos três estados da região, a vitória é muito clara e, naturalmente, é do Sul o campeão brasileiro de buscas por “bolacha” na Internet: Santa Catarina alcançou o nível máximo de 100.

Brasil - BISCOITO

Biscoito é mais procurado no Google do que bolacha (Foto: Reprodução/Google Trends)Temos um vencedor: Biscoito é mais procurado no Google do que bolacha (Foto: Reprodução/Google Trends)

Ao fazer a pesquisa pelo país como um todo, o índice de buscas brasileiras pelo termo “biscoito” atinge o nível máximo no Google Trends, com 100. Já as bolachas perdem de lavada, com índice de buscas de apenas 46. O resultado já era esperado, após analisar as buscas em cada região do país. O Google é líder em buscas online no Brasil e, portanto, uma boa fonte para medir a popularidade de termos.

Mas, afinal, biscoito e bolacha são a mesma coisa?

Apesar de toda a discussão, ambos, normalmente, possuem os mesmos ingredientes. A grande diferença, segundo a sabedoria popular, é o modo de preparo, fazendo com que os biscoitos (mais gordinhos) dificilmente fiquem planos como as bolachas. A discussão é tanta que até a ANVISA entrou na roda. Segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária, ambos os termos servem para designar o mesmo produto. Isso consta inclusive em um decreto da agência reguladora com mais de dez anos.

De acordo com a designação de produtos do Decreto 3.029, de 16 de abril de 1999, “Biscoitos ou bolachas são os produtos obtidos pela mistura de farinha(s) e ou amido(s) com outros ingredientes, submetidos a processos de amassamento e cocção. Podem apresentar cobertura, recheio, formatos e texturas diversos”.

Via Google Trends e PUC SP

Como saber se um site de compras é confiável? Comente no Fórum do TechTudo!



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.