O Spotify completa um ano de Brasil como líder, segundo a comScore. Entretanto, para Gustavo
Diament, diretor geral do empresa para América Latina, ainda há muito a se fazer. "No mercado de
tecnologia, você não é líder, você está líder", provoca. O executivo comemora os números, mas acredita que a guerra contra a pirataria ainda não foi vencida e que é preciso trabalhar para
manter o sucesso.
Dez emojis que você ‘entendeu errado’ e usou com outro significado; veja
Spotify celebra um ano de Brasil com conteúdo local e a liderança do mercado de streaming (Foto: TechTudo / Lucas Mendes)
Com mais de 200 milhões de horas de músicas ouvidas, cerca de 104 minutos gastos por brasileiros diariamente com o streaming e novas 11 milhões de playlists criadas pelo público local, o Spotify fecha um ano com 37% do streaming com conteúdo nacional e boa parte das horas gastas pelos brasileiros via aplicativos de smartphones. A curva segue o seguinte comportamento: pela manhã o movimento é
intenso nos dispositivos móveis para, durante o horário comercial, se voltar para computador. No começo da noite, o uso mais comum volta para o celular, sempre em horários de trânsito. 
"Dos
58 países em que estamos presentes, nos últimos 12 meses, o Brasil esteve
entre os três que mais cresceu. O nível de engajamento é
altíssimo. Foi o lançamento mais exitoso que tivemos", disse Diament. Lançada em 2006 na Suécia, a plataforma conquistou espaço em mercados como os Estados Unidos e Europa e é vista como uma alt...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.