Muitas crianças têm ou usam celulares e tablets Android. No entanto, existem alguns riscos em usar os gadgets sem a supervisão de adultos, como acesso a conteúdo impróprio, compra de aplicativos e mais funções inadequadas para o público infantil. Confira cinco dicas para configurar o dispositivo para seus filhos usarem em qualquer lugar e sem preocupação.
Trabalho de casa de 'programadora' de 10 anos vira game na App Store
Tablet Princesas, da Tectoy, é voltado para crianças (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)
1. Criar nova conta de usuário Diversos tablets e smartphones Android permitem a criação de dois ou mais usuários diferentes. Assim, é possível restringir certos aplicativos impróprios, redes sociais e mais, deixando apenas aqueles infantis, com função de desenho, vídeos. Ou seja, são contas diferentes, com apps separados, enquanto a dos adultos fica protegida por senha.
Criar nova conta de usuário para seu filho, separada da sua (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)
O ajuste é feito pelo próprio sistema, sem precisar baixar nada. Para isso acesse as configurações do Android e depois o item de usuários para adicionar um novo. Siga os passos deste tutorial para conhecer todos os detalhes dessa ação. 2. Restrições da Google Play Caso você queira deixar seu filho com acesso a Google Play, para baixar novos aplicativos infantis quando quiser, há algumas medidas de segurança necessárias. Primeiro, é fundamental estabelecer um filtro no serviço, para não mostrar apps impróprios. O recurso é ajustado pelo nível de...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.