O supercomputador Watson, da IBM, ganhou agora a capacidade de analisar textos. Batizado de Watson Tone Analyzer, o sistema analisa textos de acordo com três parâmetros: tom emocional, estilo e influência social. A partir da análise, Watson torna-se capaz de sugerir alterações para melhorar o conteúdo do que você escreve.
Watson agora tem recursos de fala, tradução e interpretação de imagens
Watson passa a ser capaz de interpretar textos e analisar o tom das mensagens (Foto: Divulgação/IBM)
Segundo um post de Rama Akkiraju, engenheiro responsável pelo desenvolvimento das ferramentas do Watson, no blog de novas tecnologias da IBM, muitas vezes, quando alguém escreve um texto, o tom que a mensagem acaba carregando é involuntário. Sem querer, você pode deixar transparecer num texto que está irritado, ou pode cometer um deslize e acabar e escrevendo numa linguagem informal um documento importante na sua vida profissional. Para o engenheiro, a imparcialidade da análise de um computador pode garantir um filtro muito eficiente na hora de fazer com que seu texto exponha com clareza a mensagem. Ao redigir um e-mail para o seu chefe, a análise do Watson teria capacidade de identificar o tom emocional da mensagem e indicar sinônimos para evitar que você acabe se constrangendo, por exemplo. Cada um dos parâmetros gerais (emoção, estilo e ambiente social) que são identificados pelo computador podem ser interpretados em diferentes intensidades. Por exemplo, na hora de tentar identificar o tom emocional do texto, Watson pode percebê-...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.