A Avid Life Media, responsável pela rede social de traições Ashley Madison, declarou na quarta-feira (19) que os dados de cartão de crédito de seus mais de 37 milhões de usuários não foram vazados. A desenvolvedora já havia confirmado o roubo de informações de seus servidores, que ocorreu em julho.
Cinco truques para mudar a URL do YouTube, baixar vídeos e criar GIFs
Dados de 37 milhões de usuários do Ashley Madison teriam sido divulgados na Internet (Foto: Reprodução/Ashley Madison)
O anúncio foi feito através no site da Avid Life Media. “Nenhum dos números de cartão de crédito de usuários atuais ou antigos foram roubados e qualquer declaração que afirme o contrário é falsa. Nós nunca guardamos os números completos dos cartões”, afirma em comunicado. A fala ocorre após dados supostamente roubados da rede social terem sido divulgados na Internet. O Ashley Madison não confirmou que as informações são mesmo de seus servidores, mas garantiu que está investigando o caso e condenou a ação, classificando-a de “ilegal, contra os membros do site e todas as pessoas livres que escolheram se engajarem em atividades online lícitas”. O ataque ao site teria ocorrido em protesto contra uma falha grave no recurso que cobra para apagar todos os registros da con...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.