A Palette, uma empresa de tecnologia com base na Austrália, desenvolveu um dispositivo que consegue ler e converter em valores as cores de um determinado objeto. O Cube utiliza sensores que medem a temperatura e a intensidade da cor. O acessório pode ser usado por ilustradores e fotógrafos que precisam reproduzir com exatidão as cores capturadas no mundo real.Pesquisadores criam câmera que promete nunca sofrer com superexposiçãoPara utilizar o aparelho, basta apontar o acessório em uma superfície para que ele digitalize as informações das cores. O Cube consegue fornecer os valores nas escalas mais comuns como RGB e CMYK, mas também em LAB, HEX e LRV.
Cube consegue capturar cor de frutas (Foto: Divulgação/Palette)
Uma das vantagens é que o aparelho pode ser integrado ao Adobe Photoshop. Com o uso de um aplicativo para iOS ou Android, as informações podem se exportadas direto para o programa. Os dados também podem ser transferidas para o PC via USB ou Bluetooth. O problema é que o Cube não consegue detectar as cores em algumas superfícies. Em objetos transparentes, metálicos ou fluorescentes, o dispositivo pode ser impreciso. Ele tem eficiência em plástico, madeira, papel, concreto e em produtos orgânicos, como folhas e cascas. Ao todo ele consegue armazenar até 20 cores por vez.
Aplicativo faci...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.