O Alcatel GoWatch é pura simplicidade. Com cara de anos 80 – lembrando os tradicionais relógios G-Shock – o smartwatch da companhia chinesa é barato, é divertido, tem estilo e entrega o básico. Não é rival de Samsung Gear S2 ou Moto 360, mas serve bem como primeiro passo no mundo dos relógios inteligentes.
Asus VivoStick combina tamanho mínimo, conectividade e estilo na IFA 2015
Para começo de conversa, não, ele não é Android Wear. Segundo o executivo da OneTouch, o GoWatch roda um sistema operacional próprio. E ele até parece com o Android, mas engasga bastante e é meio devagarzinho. A tela (de 1.22", com 240 x 240px) não tem lá muito contraste e não empolga.
O forte do relógio é o design. Com sua cara retro, ele não passa sem atrair olhares. E é totalmente customizável: você pode tcar as pulseiras e a capa do relógio – além da watchface, claro. Uma das principais mudanças foi no sistema de carregamento. No smartwatch Alcatel Onetouch anterior, era feito via pulseira (um sistema estranho). Agora, há uma tampa na traseira, para conector micro USB. Simples.
Destaque do Alcatel GoWatch fica com o design "retrô" (Foto: Fabrício Vitorino/TechTudo)
Uma das funções mais legais é controlar a GoPro. Não conseguimos testar essa opção – por pura falta da action cam -, mas, no estande, vídeos mostravam essa possibilidade o tempo todo. Veja: o smart remote da GoPro, sozinho, custa US$ 80 (contra US$ 149 do GoWatch). E não vem com sensor de saúde, integração com celular. E nem mostra a...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.