Um novo vírus para Android altera a senha de desbloqueio da tela do celular e só devolve o controle do smartphone caso o usuário pague um resgate. Segundo os técnicos da ESET, empresa responsável pelo antivírus ESET NOD32 Antivirus, essa é a primeira vez que um recurso de bloqueio de tela é utilizado para sequestrar um smartphone. Golpe no WhatsApp usa ‘descontos’ na Zara e H&M para roubar dados O aplicativo Porn Droid promete funcionar como um visualizador de conteúdo adulto hospedado na internet. Encontrado gratuitamente em lojas genéricas do Android, fóruns e sites que distribuem programas piratas, o app esconde um vírus do tipo ransomware. Ele toma controle do celular e só pode ser desabilitado pelos hackers que o desenvolveram ou via reset de fábrica.
Novo vírus utiliza tela de bloqueio do Android (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)
Ao instalar o aplicativo, os usuários recebem um aviso de que há uma atualização disponível. Ao clicar em “próximo” para iniciar o suposto processo de atualização, o vírus acaba ganhando privilégios de administrador dentro do Android. Com isso, ele se torna habilitado a modificar a senha de bloqueio de tela. Aqueles que caíram no golpe visualizaram uma tela com um alerta, supostamente vindo do FBI, dizendo que o usuário viu “pornografia proibida”. Por esse motivo, ele deveria pagar uma multa de US$ 500, equivalente a quase R$ 2.000. Com a senha de bloqueio modificada, torna-se impossível acessar o smartphone, e o desbloqueio por pagamento pode acabar seduzindo muita ...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.