Os aplicativos e games da Google Play Store podem ficar mais baratos. Isso porque o Google reduziu os valores mínimos de conteúdos na loja virtual do Android em alguns países – e o Brasil está entre eles. A partir desta semana, os apps podem custar no mínimo R$ 0,99, um valor bem inferior aos R$ 2,50 determinados anteriormente.
Saiba como conseguir jogos de graça para Android na Google Play Store
Os desenvolvedores brasileiros terão a liberdade de cobrar valores mais em conta por seus apps, diminuindo, portanto, o custo final para o usuário.
Google Play pode ter preços mais em conta (Foto: Divulgação/Google)
O Google explicou que a decisão foi tomada após um estudo de mercado que identificou uma variação “significativa” dos hábitos de compra dos usuários de acordo com os países. A ideia, portanto, é possibilitar que os desenvolvedores cobrem valores mais adequados à realidade de cada região, o que é excelente para os usuários. “Para fornecer aos desenvolvedores mais flexibilidade, adaptamos as opções de preço, de modo que possam ser ajustadas aos consumidores locais e, assim, tornar o conteúdo mais acessível. O preço mínimo para aplicativos pagos e games e produtos in-app (itens que podem ser adquiridos durante o jogo, como vidas, armas, poções etc) foi reduzido para outros 17 países, dentre eles o Brasil”, disse Alistair Pott, gerente de produto do Google Play. É importante destacar, porém, que a redução dos preços não é automática. Os apps que custam R$ 2,50 vão continuar com o ...


>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.