Uma impressora portátil que usa a tecnologia de realidade aumentada está fazendo um grande sucesso no Kickstarter. A LifePrint imprime até conteúdo em movimento, como GIFs e vídeos. É muito simples: as imagens que saem no papel são estáticas, e, com um aplicativo para celulares com Android ou iOS, qualquer pessoa pode vê-las se mexendo na tela.

Impressora 3D ‘ajuda’ crianças a criar seus próprios brinquedos

O projeto já arrecadou quase US$ 50 mil (cerca de R$ 200 mil) e terá ainda mais de 50 dias de crowdfunding, mas já superou sua meta estipulada.

Impressora promete realidade aumentada em fotos impressas (Foto: Divulgação/LifePrint)

A LifePrint consegue imprimir arquivos do Instagram, YouTube, Vine e até mesmo os vídeos gravados com câmeras GoPro (diretamente da câmera, sem precisar de outro aplicativo ou dispositivo para isso). O sistema é fácil: primeiro, seleciona-se o arquivo, depois ele é editado no aplicativo especial da LifePrint, para torná-lo uma imagem com realidade aumentada, e por último, é só compartilhar com os amigos e imprimir.

“Nós chamamos isso de modo Harry Potter. Nossa tecnologia de realidade aumentada Hyperphoto faz todas as fotos ganharem vida secretamente incorporando um vídeo a qualquer foto impressa. É magico”, explica a página da LifePrint no Kickstarter, sem revelar grandes detalhes de como a “mágica” funciona.

A referência a Harry Potter é porque, nos filmes do bruxinho, as fotos “se mexem”, como se fossem vídeos. Isso não acontece com o conteúdo impresso pela LifePrint. Eles irão se mexer, sim, mas só na tela do celular que usar o aplicativo de realidade aumentada e “escanear” a foto. As impressões são de fotografias comuns, estáticas, sem efeitos aos olhos humanos.

Usando app, é possível ver os vídeos "escondidos" nas fotos (Foto: Divulgação/LifePrint)

O aplicativo da LifePrint para celular também funciona como editor, com vários recursos e filtros para melhorar as imagens. As fotos são impressas em alta qualidade, e sem utilizar tinta, graças ao papel ZINK, que é um parceiro dos desenvolvedores. E é justamente nele que a “mágica” acontece. E a folha da impressão ainda é como as de figurinhas dos livros ilustrados; a foto pode ser “destacada” e colada, como um adesivo.

Tudo isso pode ser adquirido no Kickstarter com valores a partir de US$ 129 (cerca de R$ 520). Uma impressora, um cabo, uma licença do app e 10 filmes para impressão já estão inclusos nesse preço. A cada US$ 20 (R$ 80) extras, pode-se adicionar mais 50 impressões. Por US$ 159 (R$ 636, aproximadamente), ganha-se ainda uma case

... com revestimento de borracha para a LifePrint.

Para que serve uma impressora 3D? Comente no Fórum do TechTudo

Como a meta de arrecadação da LifePrint, que era de US$ 30 mil (cerca de R$ 120 mil), não só foi alcançada, como já está bem superada, com quase US$ 50 mil (em torno de R$ 200 mil) arrecadados, ela irá sair do papel. Caso o cronograma previsto pelos seus desenvolvedores seja respeitado, ela começará a ser entregue em agosto de 2016. Os usuários brasileiros podem comprá-la, pois há entrega internacional.

Confira vídeos da impressora em funcionamento:

Via Kickstarter



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.