Pesquisadores da Universidade de Washington, nos Estados Unidos, trabalham em uma tecnologia que vai permitir que as ondas de rádio de redes Wi-Fi, emitidas por roteadores comuns, carreguem as baterias de dispositivos compatíveis. A tecnologia, batizada de Power Over Wi-Fi (PoWiFi), já foi testada com algum sucesso em laboratório, se mostrando capaz de alimentar a bateria de uma câmera simples posicionada a cinco metros do roteador. Rádio FM pode melhorar o sinal do seu Wi-Fi, afirma pesquisador Noutro teste, eles usaram uma pulseira fitness, com bateria completamente zerada, a 8,5 metros de distância do roteador. Depois de duas horas e meia, a bateria do acessório apresentava 41% de carga.
Roteador modificado conseguiu alimentar a pequena câmera com energia transmitida via Wi-Fi (Foto: Divulgação/Universidade de Washington)
A recarga funciona porque as ondas que o roteador emite são, também, uma forma de energia que, em geral, é suficiente para fazer com que dispositivos de menor consumo funcionem. O que os cientistas fizeram foi desenvolver um componente eletrônico capaz de captar essas ondas de rádio no ambiente e convertê-las em energia. Roteadores wireless emitem pacotes de informação numa rede o tempo todo, de forma intermitente. A grande sacada dos cientistas da Universidade de Washington foi perceber esse potencial inexplorado, adaptando um roteador para liberar esses pacotes o tempo todo, sem interrupções, ocupando canais que não são usados para dados.
Como acessar um roteador conectado a outro roteador? Veja no Fórum do TechTudo Dessa forma, a conexão de Internet não é perturbada pela transmissã...


>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.