Microsoft Edge, o novo navegador exclusivo para Windows 10, pode ganhar suporte a plugins antes do esperado. Segundo a Microsoft, as extensões chegariam ainda este ano, mas depois foram adiadas para 2016. Porém, por um curto período de tempo, dois plugins para o navegador vazaram acidentalmente em uma página hospedada pela fabricante de software. Agora, o usuário vê uma mensagem de erro 403 ao tentar acessar o link.
Microsoft Edge: motivos para usar ou fugir do navegador do Windows 10
A falta de extensões é um dos motivos que afastam os usuários do Microsoft Edge. O recurso está presente nos navegadores mais famosos, como Chrome e Firefox, e permite adicionar mais funcionalidades ao software, além de facilitar o uso de ferramentas não nativas do browser. 
Microsoft Edge (Foto: Reprodução/Microsoft)
O vazamento foi descoberto pelo usuário do Twitter WalkingCat (@h0x0d), que divulgou as extensões em uma foto publicada em sua conta no microblog durante a madrugada desta quinta-feira (10).
Na imagem, podemos perceber que os dois os primeiros plugins que aparentam estar prontos para serem lançados para o navegador são o Reddit Enhancement Suite, uma coleção de melhorias para o site, e o botão “Pin It”, da rede social Pinterest. Ainda de acordo com o usuário do Twitter que descobriu a página, as extensões para o Microsoft Edge podem ser portadas do Google Chrome com pequenas alterações e utilizando ferramentas simples.
Eventualmente, quando forem oficialmente lançados, os plugins para o navegador devem ser liberados na Windows Store.
Vazam dois plugins para Microsoft Edge (Foto: Reprodução/WalkingCat)
Agora só nos resta esperar pois a Microsoft não anunciou nenhum lançamento oficial até o próximo ano e não se pronunciou sobre o vaza...


>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.