A Apple lançou neste ano o iPhone X, a maior revolução no design de seus celulares desde o iPhone 6. Com uma tela que cobre a parte frontal inteira do aparelho e um design inteiro de vidro e aço inoxidável, o dispositivo realmente tem o aspecto digno de um celular de mil dólares. E embora leve algum tempo para se acostumar a navegar pelo seu sistema sem o tradicional botão Home, ele deve ser o aparelho ideal para os fãs da Apple com dinheiro de sobra.
Durante o uso, o aspecto mais notável de seu design é a pequena borda superior que cobre um pedaço da tela. Ela parece um pouco estranha no começo, mas não chega a atrapalhar a usabilidade. Por mais diferente que ela seja, ela deve ser um detalhe de construção com o qual os fãs da empresa se acostumarão rapidamente. A traseira de vidro do dispositivo também é muito bonita, mas acumula muitas impressões digitais, além de ser um ponto de fragilidade.
Destravar a tela com a Face ID é tão simples quanto parece. Cadastrar o próprio rosto leva menos de um minuto, e depois que isso é feito, o iPhone X se destrava de maneira automática sempre que detecta que o dono está olhando para ele. O conteúdo de notificações de aplicativos como o WhatsApp também fica escondido até que o dono olhe para o dispositivo, o que também ajuda a espantar bisbilhoteiros. Não tivemos a oportunida...

>>> Veja o artigo completo (Fonte)

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.