Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

O BLU Vivo 5R promete chegar ao Brasil com cara e bateria de top de linha, mas preço e experiência de uso de um intermediário. Por R$ 1.699, ele conta com um processador razoável, 3 GB de RAM e sensor biométrico, tal qual o Moto G 4 Plus, concorrente no mercado dos intermediários, que sai por R$ 1.500. O TechTudo pôde testar o celular durante a Eletrolar 2016, que acontece em São Paulo até quinta-feira (21).

Testamos o Blade A110, smartphone da ZTE que custa R$ 549

À primeira vista, o que chama a atenção é o design elegante do Vivo 5R, um pouco diferente dos celulares intermediários disponíveis no mercado. Ele conta com acabamento de metal, traseira de alumínio, além das bordas arredondadas que facilitam a pegada, mesmo com dimensões maiores. Ainda na traseira, há o sensor biométrico bem discreto e integrado ao celular. A título de comparação, o LG K10, o Galaxy J5 e até o Moto G 4, que costuma sair na frente na categoria, contam com visual mais esportivo, com revestimento de plástico. 

O display tem 5,5 polegadas, mas com uma resolução somente HD (720 x 1280 pixels) o que, em linhas gerais, resulta em um baixa densidade de pixels por polegada (241 ppi, mais precisamente). Porém, os dados acabam por refletir bem pouco na experiência. A tela conta com imagens nítidas, com cores saturadas e alto contraste. 

BLU Vivo 5R (1) (Foto: Luciana Maline/TechTudo)O display do BLU Vivo 5R tem 5,5 polegadas e resolução em HD (Foto: Luciana Maline/TechTudo)

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

Por dentro, o Blu Vivo 5R conta com um processador Mediatek 6753 de 1.3 GHz que não é extraordinário, mas roda leve o Android 6.0. Ele não apresentou tratamentos durante os testes, nem demora na hora de abrir os aplicativos. O que enche os olhos mesmo são os 3 GB de RAM, que facilita um pouco esse serviço. Não tivemos tempo para testar a bateria, mas, a potência de 3.100 mAh parece bem razoável. 

O BLU Vivo 5R roda Android 6.0 e, durante os testes, não houve travamentos (Foto: Luciana Maline/TechTudo)O BLU Vivo 5R roda Android 6.0 e, durante os testes, não houve travamentos (Foto: Luciana Maline/TechTudo)

O problema ficou por conta do uso da câmera, que mostrou uma leve lentidão para balancear as cores do ambiente, quando em modo automático. Isso pode prejudicar um pouco na hora de fazer vídeos. 

Câmera do BLU Vivo 5R  (Foto: Luciana Maline/TechTudo)A câmera do BLU Vivo 5R tem 13 megapixels (Foto: Luciana Maline/TechTudo)

Por falar em câmeras, o conjunto não sai muito da curva entre os intermediários. A traseira vem com 13 megapixels e ainda conta com alguns recursos, como HDR, filtros internos e outros, além de filmar em 1080p (30fps). Já a frontal conta com 5 MP.  O desempenho pareceu bem razoável no automático, mas, os usuários que desejam maior autonomia vão sentir falta de recursos manuais no app do celular. 

A traseira do BLU Vivo 5R tem um sensor biométrico (Foto: Luciana Maline/TechTudo)A traseira do BLU Vivo 5R tem um sensor biométrico (Foto: Luciana Maline/TechTudo)

Segundo informações da BLU, o Vivo 5R deve chegar ao Brasil em outubro, para as principais lojas e sites de varejo do país. 

*A jornalista foi a São Paulo a convite da Eletrolar 2016.

Curtiu o lançamento do novo Moto G 4? Dê sua opinião no Fórum do TechTudo.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.