Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Entre os aspectos mais importantes na performance de uma rede Wi-Fi está a frequência em que o roteador opera. 2,4 GHz é um padrão antigo e ainda muito usado, enquanto o dual band consegue transitar entre 2,4 GHz e 5 GHz, mais atual e com melhor desempenho de rede. Essa especificação trabalha junto com a cobertura de Internet, velocidade de transferência e estabilidade do sinal wireless e pode colaborar para uma Wi-Fi mais eficiente. 

Adaptador powerline: descubra se PLC vale a pena para melhorar Wi-Fi

Apesar do nome já apontar para a melhora da rede, um roteador dual band oferece diversas vantagens aos usuários, como a redução de interferências e lentidão. Assim, confira a seguir os principais detalhes da tecnologia e veja qual o padrão Wi-Fi ideal para aparelhos com o formato. 

Roteador D-Link AC 750 DIR 809 é do tipo dual-band e está disponível no Brasil (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)Roteador D-Link é do tipo dual-band e está disponível no Brasil (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)

O que são essas frequências?

O sinal Wi-Fi funciona por ondas de rádio. Seus dispositivos trocam informações na rede emitindo ondas entre si. Essas ondas circulam em frequências bem definidas – seria como a sintonia da rede. Só que quanto mais dispositivos na área usam uma mesma frequência, maior é a poluição de tráfego, que provoca lentidão, interferências e estabilidades em geral.

O problema da rede de 2,4 GHz é que é mais antiga e, além de ser usada por roteadores, é a mesma frequência pela qual uma grande quantidade de produtos trocam informações: controles remoto, babás eletrônicas, praticamente todos os dispositivos Bluetooth, a rede do vizinho e etc. Áreas densamente povoadas costumam apresentar problemas em redes Wi-Fi de 2,4 GHz justamente por isso: essa banda fica muito poluída.

Esse problema é agravado pelo fato de que, em 2,4 GHz, só existem três canais disponíveis. Se você mora em um prédio e todo mundo tem Wi-Fi, a chance de que esses três canais já estejam muito sobrecarregados é enorme. Nesse contexto, a sua Internet sem fio vai funcionar, mas espere uma área de cobertura inferior, lentidão e instabilidade em seus dispositivos.

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

TP-Link N600 é um dual-band de duas antenas e faixa de preço nos R$ 200 aproximadamente (Foto: Divulgação/TP-Link)TP-Link é um dual-band de duas antenas e faixa de preço de R$ 200 (Foto: Divulgação/TP-Link)

A vantagem do 5 GHz

Ao contrário do 2,4 GHz, as redes de 5 GHz operam distribuindo 23 canais diferentes. É possível que muitos estejam tomados, se você mora em um lugar densamente povoado, mas a chance de que exista um canal mais limpo é bem maior: nessa situação, seu roteador saberá identificar a melhor faixa para transmitir, garantindo eficiência à sua rede.

Prefira roteadores dual-band

Os  roteadores dual-band são aqueles que operam nas duas faixas: 2,4 e 5 GHz. Se você procura um novo aparelho, não abra mão dessa tecnologia, já que com o tempo a tendência é que mesmo áreas em que existem poucas redes acabem ficando mais poluídas. É fácil de identificar produtos dual-band pela classificação 802.11ac, o chamado Wi-Fi de quinta geração.

Um ponto positivo é que, hoje, roteadores dual-band não são mais tão  caros. Há uma grande quantidade desses aparelhos disponível no Brasil por preços na casa dos R$ 200. Entre os bons modelos estão:

- TP-Link Archer C20
- D-Link DIR 809
- Belkin F9K1102 N600 DB
- Multilaser RE075
- Linksys E2500BR

Há vantagem no uso do 2,4 GHz?

Roteador da Belkin é dual-band e custa só R$ 100 (Foto: Divulgação/Belkin)Roteador da Belkin é dual-band e custa só R$ 100 (Foto: Divulgação/Belkin)

Diante das desvantagens do 2,4 GHz, parece que não há vantagem alguma em uma rede 2,4 GHz ao ponto de não fazer o menor sentido que fabricantes ainda se deem ao trabalho de produzir roteadores com esse perfil.

Entretanto, é preciso entender como a propagação de ondas funciona: quanto mais alta a frequência do sinal, menor será o seu alcance. Ou seja, o Wi-Fi de 5 GHz é ótimo por proporcionar maior velocidade de troca de dados, mas seu alcance é menor.

Isso faz do sinal de 2,4 GHz vantajoso para espaços maiores: a cobertura cresce, já que o sinal é menos poderoso. Outro aspecto positivo é que a maior capacidade de atravessar obstáculos, como paredes.

Conheça seus dispositivos

Vale lembrar que não adianta ter um roteador dual band em casa se os seus equipamentos não operam no Wi-Fi 802.11ac. Pode parecer estranho, mas ainda é relativamente comum encontrar computadores que funcionam apenas com Wi-Fi de 2,4 GHz. Um exemplo significativo é o PS4: o console da Sony é bastante prejudicado por essa limitação, já que compromete downloads e jogos em rede.

Qual é o repetidor mais barato? Comente no Fórum do TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.