Celulares à venda no Brasil, o Xperia XZ1 Compact (Sony) e o iPhone 7 (Apple) estão entre os aparelhos vendidos que mais emitem radiação, segundo estudo feito por um órgão alemão. O levantamento aponta que um grande número de modelos de marcas chinesas, como Xiaomi, Huawei e ZTE, no ranking mundial. A pesquisa concentra dados sobre a emissão de ondas eletromagnéticas de várias gerações de telefones celulares.

iPhone 7 é o maior emissor de radiação entre os aparelhos vendidos no Brasil, segundo Statista (Foto: Thassius Veloso/TechTudo)

iPhone 7 é o maior emissor de radiação entre os aparelhos vendidos no Brasil, segundo Statista (Foto: Thassius Veloso/TechTudo)

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

A medida de menor ou maior radiação é obtida por um número SAR (sigla em inglês para taxa de absorção específica), medida em W/kg (watts por quilo): ou seja, a quantidade de energia (watts) que é emitida por unidade de massa (quilo). Como pesquisas sobre o efeito da radiação eletromagnética produzida por aparelhos celulares no organismos foram inconclusivas até hoje, não existe um valor SAR estabelecido como limite seguro ao ser humano.

No levantamento, o recordista entre os aparelhos celulares emissores de radiação é o Xiaomi Mi A1, alcançando SAR de 1,75 W/kg quando usado para fazer uma ligação.

Entre aparelhos vendidos oficialmente no Brasil, o primeiro colocado é o iPhone 7 com uma marca de 1,38 W/kg, décima posição no ranking geral. Na segunda posição entre os celulares comercializados no país (11ª no geral) está o Xperia XZ1 Compact da Sony, emitindo 1,36 watts por quilograma.

... ntent-media--normal content-photo">
Xiaomi Mi A1 é o aparelho que emite mais radiação eletromagnética (Foto: Isabela Cabral/TechTudo)

Xiaomi Mi A1 é o aparelho que emite mais radiação eletromagnética (Foto: Isabela Cabral/TechTudo)

Foram testados aparelhos da Motorola, Samsung, LG, Google, BlackBerry, HTC, OnePlus, além das já mencionadas Xiaomi, Apple, Huawei e ZTE. Para efeito de comparação, o celular com menor emissão de radiação foi o Galaxy Note 8, registrando apenas 0,17 W/kg.

A Agência Federal Alemã para Proteção Contra Radiação oferece certificação de segurança para modelos que tiveram absorção inferior a 0,6 W/kg.

Aparelhos chineses lideram o ranking (Foto: Divulgação/Statista)

Aparelhos chineses lideram o ranking (Foto: Divulgação/Statista)

Chineses lideram o ranking

O levantamento mostra 15 aparelhos diferentes, classificados de acordo com o valor aferido nos testes SAR. Embora iPhone 7 e Xperia XZ1 Compact mereçam destaque por serem os únicos da lista vendidos oficialmente no Brasil, é importante observar que todos os outros 13 celulares são de marcas de origem chinesa.

Nesse sentido, o pior desempenho é o da Huawei. São seis aparelhos diferentes da marca, cinco deles na primeira metade da lista. À Xiaomi, além da liderança do estudo, coube ainda a 14ª posição para o Xiaomi Redmi Note 5 (1,29 W/kg). O OnePlus 5T e OnePlus 5 foram os aparelhos da OnePlus (1,68 e 1,39 W/kg, respectivamente) flagrados no teste. O ZTE Axon 7 Mini, na última posição (1,29 W/kg) foi o único celular ZTE a aparecer nos resultados.

Via Statista

Adesivo contra radiação de celular funciona? Usuários respondem no Fórum TechTudo



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.