Recovery Mode é o modo de recuperação do Android presente em todos os celulares com o sistema do Google. A ferramenta é uma espécie de modo de manutenção utilizado principalmente por técnicos especializados, mas também pode ser usado pelo consumidor para restaurar o smartphone em caso de falhas de software que impeçam o funcionamento do aparelho.

O ambiente de recuperação é útil, por exemplo, para forçar um reset – o chamado hard reset – ou retornar às configurações de fábrica caso o smartphone não ligue mais ou pare de responder. No entanto, a camada de recuperação requer cuidado, já que ela oferece funções extras que, se forem mal utilizadas, podem danificar permanentemente o aparelho.

Como ativar o Recovery Mode do Android

Para acessar o Recovery Mode é preciso utilizar as teclas físicas do telefone. Primeiro é necessário desligar o aparelho, seja do modo convencional ou utilizando a combinação de teclas Liga/Desliga e Volume Para Baixo nos casos em que o sistema está congelado. Então, om o celular desligado, é preciso pressionar outra combinação de teclas para acessar o modo de recuperação.

Nos celulares LG e Motorola, o modo de recuperação é ativado pelas teclas de Volume para Baixo e Liga/Desliga: pressione-as simultaneamente com o telefone desligado até entrar no modo de recuperação. Já nos dispositivos Xiaomi, pressione as teclas Volume Para Cima e Liga/Desliga e as mantenha pressionadas até o telefone vibrar ou exibir “Mi” na tela. Em seguida, solte apenas o botão Liga/Desliga e mantenha o Volume Para Cima pressionado até que o Recovery Mode entre em ação.

No caso da Samsung, o procedimento varia conforme o modelo de celular. Do Galaxy S8 ao Galaxy S10, pressione os botões de Volume Para Cima, Liga/ Desliga e Bixby com o telefone desligado até acessar o modo de recuperação. Já nos modelos Galaxy S20 e Galaxy S21, aperte simultaneamente as teclas Volume Para Cima e Liga/Desliga também até que o ambiente de recuperação surja na tela. Se o celular já rodar o Android 11, os procedimentos permanecem, mas só funcionam se o telefone estiver conectado ao carregador ou a um computador por meio do cabo USB-C.

Como navegar no Recovery Mode

O modo de recuperação não permite uso do touchscreen, mas a navegação é simples. Basta usar as teclas de volume para transitar entre as opções na tela e o botão de Liga/Desliga para selecionar ou confirmar uma escolha.

É também importante ficar atento ao nível de bateria necessário para entrar no modo de recuperação. Alguns fabricantes recomendam que o aparelho tenha, no mínimo, 60% de bateria para completar o procedimento sem correr o risco de interromper o processo de reinicialização. Por esse motivo, é recomendável realizar o procedimento com o telefone conectado a uma fonte de energia.

O que é possível fazer no Recovery Mode

Por meio do modo de recuperação, o usuário pode fazer um reset completo do smartphone. Para isso basta selecionar a opção “wipe data/factory reset”. Já em “wipe cache partition” é possível apagar os dados temporários do cache. Vale lembrar que a formatação do sistema significa que todos os arquivos do aparelho serão apagados de forma definitiva, por isso é importante fazer o backup dos dados antes de fazer o reset.

Além disso, o recovery mode permite realizar funções mais avançadas, como a instalação de firmwares oficiais para o aparelho que ainda não foram liberados pela fabricante. De posse de um arquivo de instalação, o usuário pode selecionar “Apply update from...”, especificar o diretório de origem e instalar diretamente na memória. O procedimento, no entanto, pode violar os termos de uso da fabricante e fazer o consumidor perder a garantia.

Após rea

... lizar um reset, limpeza de cache ou instalação de firmware, o usuário deve reiniciar o dispositivo em “Reboot” ou “Reboot system now”.

Como manter o Recovery Mode seguro

Desde o Android 5.0 (Lollipop) e posteriores, após o processo de restauração aos padrões de fábrica, tornou-se necessário informar as credenciais (usuário e senha) da conta Google. Este mecanismo impede a restauração e desbloqueio do celular por terceiros. Trata-se de uma medida para casos de roubo de celular.

A partir do Android 11, smartphones da Samsung, da Xiaomi e de outras fabricantes pedem login com a conta Google após a formatação. Dessa maneira, cadastrar e-mail e senha do Google no celular de antemão cria uma camada extra de segurança em caso de perda ou roubo do aparelho. Mesmo qu uma pessoa autorizada tente restaurar o telefone via Recovery Mode, continuará sem poder usar o dispositivo.

Com informações de Cleverfiles, LG, Motorola, Samsung e Xiaomi



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

A primeira plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.