LOUD e paiN Gaming se enfrentam neste sábado (27) pelas quartas de final do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLOL) 2021 primeiro split. O jogo pelos playoffs acontece a partir das 13h, no horário de Brasília, e será transmitido ao vivo nos canais oficiais da Riot Games nas plataformas Twitch TV e YouTube. As equipes chegam para os playoffs em momentos muito semelhantes, com ambas encerrando a fase de pontos com 11 vitórias e sete derrotas. No entanto, LOUD contou com vantagem nos critérios de desempate, o que a colocou na quarta colocação da tabela de classificação, enquanto a paiN ficou logo atrás, na quinta posição.

Tanto LOUD como paiN viveram momentos irregulares durante a primeira fase, mas foram capazes de crescer na reta final. Confira, a seguir, as estatísticas de cada rota das duas equipes e veja quem poderá largar na vantagem no confronto. Vale lembrar que os jogos desta etapa serão séries melhores de cinco partidas (MD5), e que a Red Canids e a KaBuM! e-Sports jogam no domingo em busca da vaga restante nas semifinais.

Quer comprar jogos, consoles e PCs com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Topo - Tay x Robo

Atual campeão do CBLOL pela INTZ, Rodrigo "Tay" Panisa hoje está na LOUD e chega com uma vantagem relativamente pequena contra seu oponente de rota da paiN, Leonardo "Robo" Souza. Tay é um jogador bastante regular e que foi capaz de acompanhar o crescimento do seu time nessa reta final da fase de pontos. Por exemplo, em suas duas últimas partidas, contra o Flamengo Esports e Rensga eSports, ele adquiriu dois KDAs (Abates/Mortes/Assistências) excelentes com Gnar (4/0/6) e Wukong (6/2/10), respectivamente. Com um pouco de vantagem em relação ao farm (7.8 por minuto) e na participação dos abates de sua equipe (56.3%), Tay pode ser o diferencial da LOUD no confronto.

Robo, por outro lado, demorou um pouco mais para encaixar seu jogo no primeiro turno da fase de pontos. Ele apresentou muitas dificuldades para lidar com seus oponentes no early game, mas a mudança de estilo da paiN nessa reta final, colocando-o com campeões mais carregadores, deu a ele a chance de brilhar. Entre esses confrontos, é possível destacar sua partida de Tristana como counter pick contra o Flamengo, em que ele foi o MVP. Apesar das desvantagens no confronto, Robo tem duas estatísticas a seu favor: dano causado por jogo, 24.7% contra 21,2% de Tay, e um maior leque de campeões utilizados na competição, 13 contra oito.

Selva - Mewkyo x Cariok

Matheus "Mewkyo" Ferraz assumiu o posto de Caçador do time titular da LOUD durante o CBLOL para substituir o alemão Finn-Lukas "Don Arts" Salomon, que já deixou a equipe. Antes de sua entrada, a LOUD estava com 50% de aproveitamento na competição. Com ele, a equipe saltou para um aproveitamento de 70%, próximo da estatísticas do líder Flamengo. Apesar dos números, Mewkyo ainda fica um pouco atrás de seu oponente de rota, Marcos "Cariok" Santos, em relação às estatísticas. A exceção fica por conta da participação de abates pela sua equipe: 74.6% contra 72.3% de seu adversário.

Pela paiN, Cariok se apresenta como um dos destaques de sua equipe e com mais vantagem na rota no confronto contra a LOUD. Ele conta com um excelente KDA de 5.16 contra o 3.79 de Mewkyo e costuma, na maioria de suas partidas, estar à frente de todos os seus adversários de rota em relação ao ouro e a experiência adquiridos. Cariok também aparece com um maior leque de campeões utilizados na competição, sete contra cinco de Mewkyo, mas se destaca com o uso da campeã Lillia, com quem tem 100% de aproveitamento nos cinco jogos disputados com ela.

Meio - dyNquedo x TinOwns

... iv>

Mattheus "dyNquedo" Rossini é outro jogador de grande importância nessa campanha da LOUD. Ele se mostra um atleta que, na maioria de seus confrontos, supera os oponentes na questão dos recursos, sempre buscando a superioridade no ouro e na experiência. Essa é a grande vantagem que ele tem contra Thiago "tinowns" Sartori, da paiN, além de contar com uma taxa de participação de abates de sua equipe um pouco maior, 73.8% contra 66.3%. Ambos os oponentes utilizaram de oito campeões até aqui, e dyNquedo é destaque com uma forte Orianna, campeã que ele utilizou em cinco oportunidades e teve 100% de aproveitamento.

Já TinOwns é o jogador de maior destaque atualmente pela paiN. Não é para menos que ele foi escolhido como o segundo melhor pro player da fase de pontos, tendo alcançado o impressionante KDA de 10.9. Tal número mostra sua grande consistência nas partidas, mesmo quando sua equipe não está em boa fase. Além disso, a taxa de 550.8 de dano causado por minuto impressiona e mostra o quanto TinOwns é efetivo em suas jogadas e como sua fase continua muito boa. Devido ao excelente momento de TinOwns, dyNquedo e toda a LOUD não terão vida fácil nas quartas de final.

Atirador - DudsTheBoy x brTT

Igor "DudsTheBoy" Lima é um jogador que sempre se manteve consistente em suas boas atuações, mesmo em momentos ruins da LOUD, tanto que foi escolhido como o décimo melhor jogador da fase de pontos. No duelo contra Felipe "brTT" Gonçalves, ele apresenta uma boa vantagem em relação ao farm, 8.7 de CS contra 8.5, nas assistências, 67.7% contra 63.3%, e uma vantagem ainda maior no dano causado por minuto, 509.3 contra 481.9. DudsTheBoy perde em relação ao leque de campeões contra brTT, sete contra 11, mas sua excelente estreia com a Kalista nas duas últimas rodadas da fase de pontos mostra que ele pode ter cartas na manga para as quartas de final.

Pela paiN, o veterano brTT tem a vantagem da experiência para lidar com a pressão de um jogo decisivo. Além disso, o atirador conta com superioridade em relação ao KDA, 5.1 contra 4.2 de DudsTheBoy. Apesar de estar na desvantagem do farm, ele tem uma média maior de ouro por minuto, 445 contra 423. Seu principal trunfo da série pode ser a Kai'Sa, campeã com quem ele tem 100% de aproveitamento em cinco partidas. Porém, com um leque vasto de campeões, ele poderá se adequar facilmente à composição da paiN e ser capaz de dar uma maior vantagem no confronto.

Suporte - Ceos x Luci

Por fim, o duelo entre os suportes. Denilson "Ceos" Oliveira conta com um bom leque de campeões pelo lado da LOUD, nove contra seis de seu oponente, Han "Luci" Chang-hoon. Mas Ceos encontrou suas boas atuações apenas com três personagens. Thresh, Rell e principalmente a Leona, com 100% de aproveitamento, foram os campeões que fizeram Ceos ser mais impactante, tanto na rota ao lado de DudsTheBoy, como no mapa como um todo. Ele também conta com uma das menores médias de mortes por jogo da fase de pontos, com 3.39, menor do que o próprio Luci, que tem uma média de 3.56.

Pelo lado da paiN, Luci teve um começo bastante inconsistente no CBLOL, mas cresceu no segundo turno e foi capaz de ser mais impactante para sua equipe. Em seu duelo de rotas com Ceos, o sul-coreano tem vantagem no KDA, 3.2 contra 3.0, com destaque para sua média de assistências de 10.72 contra 9.5 de Ceos. Luci ainda é superior na média de dano causado por minuto, 166.9 contra 137.6, e costuma ter um melhor placar de visão em suas partidas. Assim, Luci acaba ficando na vantagem em relação a Ceos nas estatísticas.

Com informações de LoL Esports, Gol GG e Gamepedia



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

A primeira plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.