LCD, IPS, OLED, AMOLED, Retina e TFT são algumas siglas de tecnologias usadas em telas de celulares e eletrônicos em geral. Algumas delas representam componentes completamente diferentes, outras são apenas variações ou aprimoramento de outras. Cada uma tem particularidades que influenciam diretamente a experiência final do usuário, desde a qualidade das imagens, o peso dos gadgets, até a duração da bateria. Resolução da tela do celular: as diferenças entre HD, Full HD, Retina etc. Confira, a seguir, o que as siglas significam, do que as telas são feitas, quais oferecem melhor qualidade e quais consomem mais energia nos aparelhos celulares.
Entenda as diferenças entre as tecnologias usadas nas telas dos celulares (Foto: Thássius Veloso/Techtudo)
Aplicativo do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no seu celular
LCD LCD significa “Liquid Cristal Display”, que, em português, é Tela de Cristal Líquido. Dentro das telas produzidas nessa composição existem cristais líquidos que são transparentes, mas têm sua estrutura molecular alterada quando recebem uma corrente elétrica e ficam opacos, impedindo a passagem de luz. A corrente elétrica é emitida por uma camada que se chama “backlight”, uma camada de luz que fica permanentemente acesa. Além dessas duas camadas, existem outras, com tons intermediários. Essas camadas mudam de acordo com a corrente que passa por elas, daí surgem as cores que aparecem nos nossos displays. Por terem uma camada de luz que fica sempre acesa, os displays LCD consomem bastante ene...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.