Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.
email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Associado a notebooks de faixa de preços mais acessíveis, o Core i3 está entre os processadores da Intel direcionados a computadores de entrada com performance superior aos modelos com Celeron e Pentium. Versões de sexta e sétima gerações do dual-core da Intel marcam presença em alguns modelos do portfólio da Acer no mercado brasileiro, com preços a partir de R$ 1,8 mil. A seguir, você vai saber quais são os modelos, os preços, pontos fortes e fracos e qual é o perfil atendido por cada um dos notebooks.

Acer TravelMate P4 – R$ 1.799

Com Windows 10 Pro, TravelMate P4 tem leitor de cartões de crédito (Foto: Divulgação/Acer)Com Windows 10 Pro, TravelMate P4 tem leitor de cartões de crédito (Foto: Divulgação/Acer)

Com Windows 10 Pro, TravelMate P4 tem leitor de cartões de crédito (Foto: Divulgação/Acer)

A linha TravelMate da Acer é direcionada a usuários corporativos. Com relação ao modelo oferecido pela marca com processador i3, chama atenção a oferta do Windows 10 Pro instalado, versão do sistema operacional da Microsoft que conta com uma série de funcionalidades interessantes para profissionais de TI que precisam gerenciar computadores nas mãos de funcionários de empresas de todos os tamanhos.

Outra funcionalidade de destaque do TravelMate P4 é o leitor SmartCard, que permite que você insira um cartão de crédito na máquina para a realização de transações financeiras de forma segura. O computador também possui leitor de impressões digitais para autenticação biométrica.

Com relação às especificações técnicas em si, o notebook da Acer é um computador eficiente do ponto de vista do uso de escritório, centrado em suítes de produtividade como o pacote Office e navegação na Internet. Além do i3 de sétima geração e dois núcleos a 2,4 GHz, o laptop apresenta apenas 4 GB de RAM DDR4, disco rígido de 1 TB para instalar programas e armazenar arquivos e tela de 14 polegadas com resolução de 1366 x 768 pixels. Em termos de portas de expansão são três conexões USB 2.0, uma porta USB 3.0, uma USB-C, HDMI, VGA, Ethernet, além das interfaces de rede sem fio Bluetooth e Wi-Fi.

Opção com perfil mais casual, modelo tem acabamento que mistura preto e branco (Foto: Divulgação/Acer)Opção com perfil mais casual, modelo tem acabamento que mistura preto e branco (Foto: Divulgação/Acer)

Opção com perfil mais casual, modelo tem acabamento que mistura preto e branco (Foto: Divulgação/Acer)

A linha Acer Aspire E é indicada para uso casual e conta com dois representantes com Intel Core i3: Acer Aspire ES1-572-347R e o Acer Aspire ES1-572-3562, que veremos a seguir. Diferente do TravelMate, o Aspire E deixa de lado a versão Pro do Windows 10 e as funcionalidades de segurança mais avançadas, como módulo TPM 2.0, leitor de cartões de crédito e de impressões digitais, todos presentes no modelo TravelMate.

Vendido num acabamento que mistura plásticos de cor preta e branca, o ES1-572-347R usa processador i3 de sexta geração, menos avançado portanto que a unidade de sétima presente no TravelMate. Dual-core, o i3 escolhido pela Acer tem velocidade de 2 GHz e é acompanhado por 4 GB de memória RAM DDR4. Com relação a armazenamento, o notebook conta com 500 GB de espaço em disco rígido convencional. A tela é de 15,6 polegadas, com resolução de 1366 x 768 pixels .

O notebook tem duas portas USB 2.0 e uma 3.0, HDMI, leitor de cartões de memória e porta Ethernet. Segundo a Acer, a bateria aguenta até 6 horas de uso.

Computador tem acabamento mais discreto e teclado numérico (Foto: Divulgação/Acer)Computador tem acabamento mais discreto e teclado numérico (Foto: Divulgação/Acer)

Computador tem acabamento mais discreto e teclado numérico (Foto: Divulgação/Acer)

Bastante semelhante ao modelo anterior, o ES1-572-3562 se diferencia pela oferta de disco rígido de maior capacidade, a 1 TB de espaço, e pelo acabamento mais sóbrio: em vez da combinação de branco e preto, o notebook tem todas as superfícies em tons escuros foscos.

Há também algumas diferenças em termos de design, já que o computador abriga um teclado numérico, inexistente no TravelMate e no ES1 anterior. Esse diferencial pode tornar a máquina atraente para profissionais e estudantes de áreas que envolvem manipulação constante de números e preenchimento de planilhas, por exemplo.

Com relação às entranhas, o modelo não foge muito da receita já apresentada nos demais modelos. No centro de tudo, vai um Core i3 6006U de sexta geração, que atinge velocidade máxima de 2 GHz, idêntico ao dual-core aplicado ao modelo anterior.

Mantendo a linha de configurações simples, o computador conta com 4 GB de DDR4 à título de memória RAM. A tela é de 15,6 polegadas e com resolução de 1366 x 768 pixels. Nas interfaces, além do Wi-Fi e Bluetooth, o computador tem porta Ethernet, HDMI, duas USB 2.0 e uma 3.0.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.