Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Por Nicolly Vimercatte, da redação


A Black Friday 2018 foi marcada pelas promoções de comida. No Twitter, o assunto foi o mais comentado, superando setores como perfumaria e produtos de beleza, que ocupam o segundo lugar, além de informática e livrarias. No Google Trends, as buscas por marcas de alimentação, especialmente fast food, cresceram até 350% na tarde desta sexta-feira (23).

De acordo com um levantamento feito pelo ReclameAQUI, com a ferramenta de monitoramento de redes sociais HugMe, das 0h até as 15h, as empresas de comida dominaram as conversas. No top 10 de empresas citadas nesta Black Friday, Burger King foi a mais popular, com 96% dos comentários positivos sobre a marca. Em seguida estão McDonald's com 87% e iFood, 72%. O pico das conversas sobre comida foi registrado entre 11h e 14h, horário de almoço na maioria das empresas.

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Entre as menções negativas, a Amazon aparece em primeiro lugar. Nas conversas sobre a loja online, 17% das pessoas estavam falando mal. O ReclameAQUI divulgou o total de 3.780 citações sobre a Black Friday: 2.895 positivas (76%) e 885 negativas (24%).

Black Friday da comida no Google

O Trends, serviço do Google que mostra o volume de pesquisas na Internet, confirma que a Black Friday 2018, no Brasil, foi marcada pelo interesse dos usuários em se alimentar com desconto. Buscas como “Black Friday Habbibs”, “Black Friday iFood”, “Pizza Hut Black Friday” e “Black Friday McDonalds” cresceram até 350% nas últimas quatro horas.

Black Friday 2018: site te ajuda a encontrar frete grátis para diversos produtos

Black Friday 2018: site te ajuda a encontrar frete grátis para diversos produtos

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.