Por Pedro Vital, do Rio Creative Conference — Rio de Janeiro

28/04/2019 17h44 Atualizado 2019-04-28T20:44:02.270Z


O Brasil está entre os dez países que mais utilizam a Internet no mundo, de acordo com pesquisa da Internet World Stats realizada em 2019. A indústria da tecnologia, seguindo a tendência de conexões entre pessoas, vem desenvolvendo aplicativos para ajudar dois grandes problemas da atualidade: o sedentarismo e a depressão. Em palestra realizada no Rio Creative Conference 2019, no Rio de Janeiro, Mark Gainey, cofundador do Strava, falou sobre o app criado por atletas para atletas, que tem a proposta de estimular atividades físicas através das conexões sociais.

Vale lembrar que o Strava é uma plataforma que permite acompanhar e analisar o desempenho de exercícios físicos. Disponível para Android e iPhone (iOS), a ferramenta funciona como uma rede de compartilhamento de desafios e conquistas, possibilitando o rastreamento e localização de suas atividades em tempo real. Além disso, o usuário pode criar e compartilhar suas trilhas, além de ser possível explorar o caminho dos amigos.

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

O Brasil tem mais de 5 milhões de esportistas, que estão localizados em sua maioria nas principais capitais São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Curitiba e Belo Horizonte. Por ser uma das populações mais ativas nas redes sociais, Mark Gainey explica a importância de apps como o Strava, já que o país tem seis das 100 cidades com maiores problemas de mobilidade urbana do mundo. Segundo Mark, estimular atividades físicas é reduzir o risco de doenças e amenizar congestionamentos nas ruas.

"Os esportes são mais do que trabalhar fora – eles são sobre comunidade", disse Mark Gainey ao explicar que o Strava é uma comunidade. Além de trabalhar o corpo, você pode exercitar a mente, fazer registros, sair do sedentarismo, além de ser possível conhecer diferentes pessoas e culturas.

Segundo o executivo, mais de 322 milhões de pessoas sofrem de depressão no mundo, e 18,4% da população mundial é afetada por doenças emocionais. Atividades em grupo ligadas ao esporte prometem integrar pessoas por meio de experiências reais e, assim, podem diminuir o risco de problemas como ansiedade e depressão, por exemplo.

Com esta proposta, apps de integração social com esportes possibilitam o acompanhamento de melhorias na saúde, níveis de esforço e também trazem segurança para quem pratica atividades físicas sozinho, com o compartilhamento de localização com outros atletas que fazem uso da rede social. O cofundador do Strava ainda destacou: "O suor é a solução para os problemas da sociedade".

Usar a tecnologia de forma benéfica para resolver problemas da população é algo que se torna cada vez

... mais realidade na atualidade. Assim como o Strava, novos produtos e soluções chegam para estimular a prática de atividades físicas e diminuir cada vez os riscos de doenças emocionais. Aplicativos de saúde podem ajudar a pessoa a adotar uma dieta saudável e ingerir a quantidade certa de água por dia, por exemplo. Outros apps ensinam a alongar e fazer yoga, além de oferecer aulas de meditação.

Quais são os melhores aplicativos de saúde? Opine no Fórum TechTudo



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.