O smartphone mais barato do mundo é indiano e custa o equivalente a R$ 16. Chamado Freedom 251, o celular entra em pré-venda nesta quinta-feira (18), na Índia. O aparelho recebeu grande destaque na imprensa internacional por ter custo muito abaixo da média, até mesmo dos outros baratinhos do país – que costumam ter preços equivalentes a pouco mais de R$ 150, como o Smart 101, lançado no começo do mês.

Celulares e notebooks sobem até 79% com o fim da Lei do Bem

Fabricado pela Ringing Bells, e com grande ajuda do governo indiano, segundo os seus próprios executivos, o Freedom 251 é um instrumento para alcançar o objetivo de fazer com que cada indiano esteja conectado. É um projeto muito parecido com o tablet Aakash, lançado em 2011 na China, especialmente para estudantes, por ter um preço muito baixo, comparado aos aparelhos “tradicionais”.

Freedom 251 tem preço mais baixo do mundo (Foto: Divulgação/Ringing Bells)Freedom 251 tem preço mais baixo do mundo (Foto: Divulgação/Ringing Bells)

“Queremos dar aos cidadãos, mesmo nas áreas mais remotas, rurais e semi-urbanas da Índia, o poder de ter a tecnologia digital a preços que sejam super acessíveis”, diz a empresa responsável pelo aparelho.

O próprio nome do gadget tem relação com isso. “Freedom” significa “liberdade” e 251 é seu preço em rúpias indianas. No país, até então, um aparelho que custasse 500 rúpias já era considerado barato. Ou seja, ele tem um valor definido de metade disso, algo bem significativo para a população local.

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

O smartphone tem configurações de hardware justas, com o Android 5.1, 1 GB de RAM, processador quad-core de 1.2 GHz, 8 GB de memória interna (slot para cartão de até 32 GB), bateria de 1450 mAh, câmeras de 3.2 megapixel (traseira) e 0.3 megapixel (frontal), além de tela de 4 polegadas com resolução 960 x 540 pixel. O aparelho é 3G e aceita dois chips.

As encomendas do Freedom 251 começam nesta quinta-feira (18),

... e os smartphones só devem ser entregues no fim de junho. A tendência é de que a comercialização dele fique restrita ao público indiano, mas quem sabe, em um futuro próximo, o gadget seja internacionalizado, como aconteceu com alguns modelos da chinesa Xiaomi.

Via TNW e Freedom 251

Quais são os melhores celulares de até R$500? Comente no Fórum do TechTudo.

 



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.