Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Durante a IFA 2016, uma das maiores feiras de tecnologia do mundo, a Lenovo apresentou quatro novos modelos de celulares focados nos usuários que precisam de uma boa autonomia de bateria. São eles: o Lenovo K6Lenovo K6 PowerLenovo K6 Note Lenovo P2. Os smartphones chegam para substituir o Lenovo Vibe K5 e o Lenovo Vibe A7010, já disponíveis no Brasil.

Testamos o Moto Z Play, o celular com bateria que dura 50 horas

Durante a conferência de apresentação, a fabricante não informou quando os aparelhos serão lançados no mercado internacional, nem tampouco o seu preço. Não sabemos também se a companhia tem planos de lançá-los no Brasil, embora uma substituição dos atuais Vibe K5 e A7010 seja um passo lógico.

Lenovo P2 (Foto: Fabrício Vitorino/TechTudo)Lenovo aposta em celulares com baterias poderosas (Foto: Fabrício Vitorino/TechTudo)

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

Conheça a nova linha K da Lenovo

O primeiro smartphone anunciado pela atual dona da Motorola foi o K6, que chega para substituir o Vibe K5. Ele mantém a tela de 5 polegadas com resolução Full HD (1920 x 1080 pixels) e os 2 GB de memória RAM, que já se tornaram padrão no Android. O chipset agora é um Snapdragon 430 octa-core, que contém oito núcleos Cortex-A53 trabalhando a 1.5 GHz. Já a GPU é uma Adreno 505, substituindo a Adreno 405 do Vibe K5.

Lenovo K6 Power (Foto: Fabrício Vitorino/TechTudo)Lenovo K6 Power traz uma bateria de 4.000 mAh (Foto: Fabrício Vitorino/TechTudo)

A bateria pulou de 2.750 mAh para 3.000 mAh. Pode não parecer uma grande adição, mas já é o bastante para ajudar o celular a chegar até o fim do dia ainda com carga. A única mudança na câmera foi na frontal, que passou de 5 para 8 megapixels. A câmera traseira continuou com a mesma resolução, ou seja, 13 MP.

O K6 Power, por sua vez, é uma variação do K6. O hardware é praticamente o mesmo, com exceção de um modelo especial que adiciona mais 1 GB de RAM, chegando a 3 GB. Outra mudança é na bateria, que passa dos 3.000 mAh para 4.000 mAh. Tal capacidade energética deve ser capaz de aguentar mais de um dia longe da tomada. Em uso moderado, é claro.

Lenovo K6 Note  (Foto: Fabrício Vitorino/TechTudo)Lenovo K6 Note substituirá o Vibe A7010 (Foto: Fabrício Vitorino/TechTudo)

Já o K6 Note é o natural substituto do A7010. Ele também possui uma tela de 5,5 polegadas com resolução Full HD (1920 x 1080 pixels). O smartphone conta com 32 GB de espaço interno e o consumidor poderá escolher entre dois modelos: um com 3 GB de RAM e outro com 4 GB, o que já é um belo indicativo da capacidade do celular.

A bateria manteve os mesmos 4.000 mAh da versão Power, o que só reforça o foco em bateria dos novos aparelhos. Já a câmera traseira chegou aos 16 megapixels e a frontal ficou com 8 MP.

O maior de todos

Lenovo P2 (Foto: Fabrício Vitorino/TechTudo)Lenovo P2 traz uma bateria gigante de 5.100 mAh(Foto: Fabrício Vitorino/TechTudo)

Entretanto, se você realmente procura um celular com uma bateria gigantesca, a Lenovo apresenta o P2, o seu novo intermediário que possui uma bateria com nada mais nada menos que 5.100 mAh. Segundo a fabricante, ela pode durar até três dias, dependendo do uso.

Além da bateria, que é o item que mais chama atenção neste celular, ele possui uma tela com 5,5 polegadas com resolução Full HD (1920 x 1080 pixels) e um processador de 2 GHz. A Lenovo não informou qual o chipset usado, mas de acordo com a certificação TENAA, seria um Snapdragon 625.

A certificação informa também que ele teria 4 GB de memória RAM, opções de armazenamento interno de 32 GB e 64 GB e câmeras de 13 e 5 MP. Como diferencial, ele teria um leitor de impressões digitais e já viria de fábrica com o Android 6.0 Marshmallow.

Lenovo Vibe K5 ou Moto G 3: qual é o melhor celular intermediário? Comente no Fórum do TechTudo.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.