Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

O Microsoft Lumia 640 XL é um celular com tela ampla de 5,7 polegadas que chegou ao Brasil em 2015. Um ano após seu lançamento, o smartphone pode ser encontrado pelo preço de R$ 899 em lojas nacionais, em seu modelo dual chip com 3G. Já a versão que oferece conexão 4G sai por R$ 100 a mais. O dispositivo ainda conta com três opções de cor: branco, azul e preto. 

Lumia 640 XL, LTE e DTV: conheça todas as versões do aparelho

Apesar do conjunto de vantagens, o celular tem processamento ultrapassado e memória RAM inferior à modelos mais recentes, o que pode confundir um pouco o consumidor que deseja comprar um smartphone intermediário. Quer saber se o telefone é bom? Conheça três prós e três contras e analise se vale a pena comprar o celular em 2016.

Quer saber tudo sobre o Lumia 640 XL? Dê um play no nosso vídeo

Aplicativo do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no seu celular

PONTOS POSITIVOS

1. Bateria

Deixar o celular longe da tomada por mais horas é uma das expectativas dos usuários ao investir em um celular novo. O Lumia 640 XL oferece bateria de 3.000 mAh e essa potência pode ser equiparada com a maioria dos modelos intermediários de 2016, na mesma faixa de preço, deixando o modelo no páreo, mesmo sendo mais antigo. O Moto G 4, por exemplo, chegou ao mercado este ano com os mesmos 3.000 mAh enquanto o LG K10 tem potência ainda menor, com 2.300 mAh.

Veja se o Lumia 640 XL ainda vale a pena de ser comprado em 2016 (Foto: Isadora Díaz/TechTudo) (Foto: Veja se o Lumia 640 XL ainda vale a pena de ser comprado em 2016 (Foto: Isadora Díaz/TechTudo))O Lumia 640 XL tem uma boa bateria. (Foto: Isadora Díaz/TechTudo))

Segundo a Microsoft, o tempo máximo de conversação é de 31,3 horas (2G) e de 23,7 horas (3G). Para quem gosta de músicas, o celular deve durar cerca de 102 horas de execução da trilha sonora, 11,7 horas para reprodução de vídeos e oferecer navegação de 13 horas via Wi-Fi. Com essas especificações, o usuário intermediário não deve ficar na mão com uso misto do celular no dia a dia, mas vale lembrar que a bateria é drenada de forma diferente, conforme o tipo de recurso executado.

2. Câmera frontal

A moda das selfies realmente ficou popular entre os usuários brasileiros e os celulares da Microsoft são populares pela qualidade nesse quesito. Para ajudar a manter suas fotos com boa resolução, o Lumia 640 XL tem boas configurações para um intermediário. A câmera frontal oferece 5 megapixels com lente grande angular, para enquadrar todos os amigos na selfie de forma mais fácil. A abertura é de f/2.4 com distância focal de 24 mm.

Lumia 640 e 640 XL (Foto: Isadora Díaz/ TechTudo)Celular Lumia 640 XL vem com câmera selfie e sensor Zeiss (Foto: Isadora Díaz/ TechTudo)

Já a câmera traseira vem com sensor óptico Zeiss, mais avançado na captação de imagens. A câmera tem 13 MP com foco automático e abertura de f/2.0. A distância focal fica em 28 mm e nos recursos ela oferece HDR e flash LED, ideal para ambientes mais escuros ou noturnos. A gravação de vídeos, em ambos sensores, é em Full HD (1080p), o que garante boa resolução para reproduzir em TVs, por exemplo, ou postar no YouTube.

3. Memória expansível

Para guardar todas suas fotos e aplicativos baixados, o celular precisa ter uma boa capacidade de armazenamento. Por dentro, o celular oferece 8 GB, mas esse espaço pode ser expandido até 128 GB via cartão microSD. Este fator é um bom avanço e fica páreo com smartphones lançados em 2016, como o Moto G Play ou o Galaxy J5 Metal, em faixa semelhante de preço.

Vale lembrar que no mercado nacional estão disponíveis cartões microSD com diferentes capacidades e preços, desde os mais baratinhos com até 8 GB até os avançados, com maior armazenamento.

PONTOS NEGATIVOS

1. A tela é grande mas a resolução fica no HD

Uma tela ampla como a do Lumia 640 XL, com suas 5,7 polegadas, poderia ser equipada com uma maior resolução. O problema é que a qualidade se limita ao HD, e não Full HD como muitos celulares integrados com “telonas” lançados em 2016, como o intermediário Lenovo Moto G 4 Plus. Vale lembrar que quanto maior for o display, mais os pixels se espalham correndo o risco de deixar as imagens sem muita definição ou distorcidas.

Essa diferença pode ser observada principalmente por quem gosta de jogos com gráficos melhores ou até para assistir a filmes em alta resolução. No total, a densidade de pixels do celular da Microsoft fica em 259 ppi (pixels por polegada), contra 401 ppi do Moto G Plus (com sua tela de 5,5 polegadas), por exemplo. E isso é bem básico para quem compra o smartphone justamente por causa da tela maior. O Lenovo Vibe K5 é até mais barato, a partir de R$ 759 e oferece uma tela Full HD de 5 polegadas.

lumia-640-na-mwn-2 (Foto: Isadora Díaz/TechTudo)Lumia tem tela grande mas a resolução se limita no HD (Foto: Isadora Díaz/TechTudo)

2. Desempenho ultrapassado

O Lumia 640 XL foi lançado no ano passado e vem com uma ficha técnica ultrapassada em relação à modelos de mesma categoria em 2016. É comum atualmente encontrar smartphones com memória RAM a partir de 2 GB, mas o modelo da Microsoft oferece apenas 1 GB. O processador fica no básico quad-core, o que é inferior ao intermediário Lenovo Moto G 4 que vem com um chip octa-core de 1,5 GHz.

Isso quer dizer que o Lumia 640 XL oferece uma capacidade de execução de tarefas inferior aos celulares vendidos atualmente, o que pode incomodar quem gosta de usar vários aplicativos ao mesmo tempo ou baixar jogos com gráficos mais pesados. No dia a dia, o modelo da Microsoft deve ser suficiente para tarefas mas básicas, como acessar aplicativos de redes sociais, tirar fotos e navegação na internet.

3. Design pesado

O design é um dos pontos negativos do Lumia 640 XL, principalmente por seu tamanho robusto. As medidas ficam em 157,9 x 81,5 x 9 mm e o peso maior, com 171 g, pode incomodar para conversar por muitas horas segurando o celular, ou até digitar muitas mensagens. No review realizado em 2015, o celular se mostrou difícil de manusear, com design nada ergonômico, grande e retangular. Além disso, o acabamento é básico, com traseira em plástico liso, o que pode contribuir para que o aparelho escorregue das mãos.

Windows Phone é uma boa opção? Comente no Fórum do TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.