O Moto G5 e o Quantum MUV UP são celulares rivais no segmento de smartphones intermediários, com faixa de preço entre R$ 900 e R$ 1 mil. Lançado em março de 2017, o telefone da Motorola destaca-se por oferecer Android puro e processador octa-core. Além disso, a quinta geração da linha Moto G é uma das mais populares entre os brasileiros que buscam por celulares com preço acessível.
Já o Quantum MUV UP, um smartphone fabricado no Brasil, foi lançado em abril deste ano. O telefone roda Android 7, tem tela grande e promete um desempenho fluido com seus 3 GB de memória RAM. Quer saber qual celular leva a melhor nessa batalha? Então, veja a análise feita pelo TechTudo.
Review do Moto G5 iPhone 5 e 5C não rodarão iOS 11; aparelhos Apple antigos ficam sem update A faixa de preço que vai até R$ 1 mil representa a maioria dos smartphones vendidos no Brasil – 72,2%, segundo dados de 2016. A informação, presente em um estudo da consultoria Kantar, foi divulgada com exclusividade pelo TechTudo.
Tela e design O Moto G5 tem display de 5 polegadas com resolução Full HD (1920 x 1080 pixels). O smartphone conta com a tecnologia IPS LCD, que oferece cores mais fiéis, aumenta o ângulo de visão e evita imagens tremidas, principalmente cenas com movimento. Já o Quantum MUV UP deve agradar a quem prefere telas maiores para assistir a filmes e séries pelo celular. O modelo traz um display de 5,5 polegadas, também com a tecnologia IPS do Moto G. No entanto, a fabricante pecou por não investir na resolução do monitor, que é HD (1280 x 720 pixels). Dessa forma, o G5 tende a oferecer imagens mais detalhadas, já que concentra uma quantidade muito maior de pixels em dimensões menores, comparado ao celular da Quantum.
Quantum MUV UP tem uma tela HD de 5,5 polegadas (Foto: Ana Marques/TechTudo) Quanto ao design, ambos os modelos apostam em materiais que proporcionam um visual sofisticado: o metal e o vidro. No caso do Quantum MUV UP, há o uso do vidro 2.5D, que confere bordas arredondadas, na parte frental. A traseira é composta por um material texturizado que mostrou-se suscetível a arranhões em nossos testes. Já o Moto G5 é feito totalmente em alumínio, mas não agrada por sua espessura: são 9,5 mm, contra 8,9 mm do Quantum. Em relação à segurança, o Moto G5 tem um leitor de impressões digitais na parte frontal, e o MUV UP na parte traseira. Dessa forma, os dois aparelhos podem ser desbloqueados com as digitais do usuário, sem a necessidade de senhas complexas. Embora a biometria localizada na traseira...


>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.