Aplicativos de gestão de finanças pessoais não são novidade no Android ou iOS, mas o Wally+ é um app feito em Dubai que busca levar o nível um degrau acima. Com um design agradável e integração com o Foursquare para determinar a localização dos gastos, ele á uma mais melhores alternativas para dar aquela ajudinha em economizar dinheiro. Neste tutorial, usaremos como exemplo a versão para Android.

Celular entra na Internet 'sozinho'? Entenda o porquê no Fórum do TechTudo

Criando um usuário

Preencha com seus dados para criar um novo usuário (Foto: Reprodução/Paulo Alves)Preencha com seus dados para criar um novo usuário (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Para começar a usar o Wally+, é preciso primeiro criar uma conta com e-mail e senha. Toque em “Criar uma nova conta” e preencha o formulário incluindo também seu nome e sobrenome no topo da página. Para confirmar os dados, seja aqui ou em qualquer outra parte do aplicativo, basta tocar no botão verde com o símbolo de visto.

Adicionando uma conta bancária

Crie uma conta com o dinheiro que você já possui (Foto: Reprodução/Paulo Alves)Crie uma conta com o dinheiro que você já possui (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Para programar despesas e metas de economias, o Wally+ precisa saber quanto você já tem guardado, seja no banco em uma poupança ou conta corrente, ou debaixo do colchão. Para qualquer um dos casos, é preciso criar uma conta tocando no segundo item da lista de configuração inicial do app – o primeiro é a criação do seu usuário.

Nomeie a conta e escolha sua natureza na lista. Em seguida, inclua o valor que ela possui e marque as duas primeiras caixas caso queira usar esse valor no cálculo de despesas gerais – por exemplo, se você quer comprar uma casa e pretende usar o valor já guardado nessa conta para somar na economia. Mas, se você pretende manter esse dinheiro separado, deixe as caixas desmarcadas.

Incluindo o salário

Inclua sua renda mensal (Foto: Reprodução/Paulo Alves)Inclua sua renda mensal (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Agora é hora de incluir sua renda mensal. Se você tiver somente uma fonte de renda, como um emprego formal de 8 horas diárias, esse item só será preenchido uma vez. Portanto, se você tiver mais de um emprego ou outro meio de recebimentos, como um imóvel alugado, essa renda deverá ser incluída em um formulário separado, mas que pode ser criado depois.

A maneira de preenchimento segue a mesma lógica: insira um rótulo, como o nome da empresa em que trabalha, a forma de recebimento do valor e marque a data em que o valor cai em sua conta. Se for realmente uma renda fixa, não esqueça de marcar a opção “Repetir mensalmente”.

O Wally+ é um app feito para controlar gastos pessoais pequenos, por isso não é tão bom para programar despesas altas, como aluguel ou a parcela do carro. Portanto, é indicado descontar esses valores logo no salário mensal antes de começar a debitar despesas diárias – se o seu salário for R$ 7 mil e o aluguel for R$ 2 mil, inclua somente R$ 5 mil de renda mensal.

Inserindo despesas

Adicione despesas com marcação de local, companhia, valor e data (Foto: Reprodução/Paulo Alves)Adicione despesas com marcaç�
... �o de local, companhia, valor e data (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

Para inserir uma despesa, toque no sinal de “mais” na tela inicial para abrir a tela de gastos. Toque no topo da página para escolher o local baseado na geolocalização usando o Foursquare. Depois, adicione as pessoas com quem você esteve e em que categoria o item se encaixa. No final do mês, é possível usar esses dados para saber quem são as companhias que mais lhe fazem gastar e em quais locais.

Definindo meta de economia

Defina sua meta de economia mensal (Foto: Reprodução/Paulo Alves)Defina sua meta de economia mensal (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

O aplicativo também faz um cálculo básico de despesa diária considerando uma meta de economia mensal programada pelo usuário. Para fazer isso, basta acessar o menu lateral e ir até a opção Painel de controle.

Lá vão estar todos os valores inseridos no app, como o valor total em conta, o salário mensal e o dinheiro a ser poupado todos os meses. Para defini-lo, arraste a barra na parte inferior até atingir o valor desejado. Em nosso exemplo, vamos estipular 10% da renda.

Visualizando resumo de gastos

Veja um resumo das despesas da semana na tela inicial (Foto: Reprodução/Paulo Alves)Veja um resumo das despesas da semana na tela inicial (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

A tela inicial do Wally+ é uma linha do tempo de gastos diários. Acima, o dia corrente e, abaixo, os dias passados. Em um olhar rápido, é possível ter uma boa noção dos gastos da semana e também quanto ainda está disponível para ser usado no dia. Toque no banner superior para acessar rapidamente o Painel de Controle para ter uma visão geral dos valores.

Revisando o desempenho

Veja as estatísticas dos seus gastos (Foto: Reprodução/Paulo Alves)Veja as estatísticas dos seus gastos (Foto: Reprodução/Paulo Alves)

No item Revisar, também acessível pelo menu lateral, o Wally+ mostra gráficos com a análise dos gastos do usuário, incluindo os locais em que mais teve despesas, assim como as pessoas com as quais esteve nessas ocasiões, conforme falamos anteriormente. É possível até ver qual a categoria de gastos que mais consomem seu orçamento: se são despesas pessoais ou em programações com a família, por exemplo.



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.