SimCity é uma franquia que se firmou como uma das maiores no gênero de simulação, construção e administração de cidades. Seu grande sucesso em diferentes plataformas, principalmente no PC, rendeu uma série de títulos e spin-offs que marcaram o mundo dos games, como The Sims. Confira algumas curiosidades interessantes da série. Confira  review completo de SimCity
Sim City: veja curiosidades sobre o popular simulador de cidades (Foto: Divulgação)
A origem O primeiro SimCity foi lançado pela Maxis em 1989 para Mac, porém, sua versão inicial foi desenvolvida para Commodore 64 em 1985. O criador da franquia foi Will Wright, que recebeu inspiração para o jogo graças a uma das opções de “Raid on Bungeling Bay”, seu primeiro game, que permitia a criação de mapas. Outra curiosidade é que antes de receber o título atual, o jogo se chamava “Micropolis”. A ideia do título era nova, mas não muito atraente para as produtoras na época, que inicialmente não acreditaram no potencial de venda do game. Depois de várias tentativas, Will Wright conseguiu publicar o seu jogo pela Maxis, que foi lançado inicialmente para Amiga e Mac, com versões para PC e Commodore 64 nos anos seguintes.
O primeiro SimCity foi lançado pela Maxis em 1989 (Foto: Divulgação)
Várias versões Antes de fazer sucesso exclusivamente no PC, SimCity ganhou versões para várias plataformas, tanto no PC como nos consoles. SimCity 2000, o segundo título da franquia, recebeu versões para Super Nintendo, Sega Saturn, PlayStation, Nintendo 64, 64DD (exclusiva do Japão) e até mesmo para GameBoy Advance. O interessante é que cada versão possuía alguma peculiaridade, como a de PlayStation, que permitia que o jogador dirigisse por toda a cidade. Já a de Nintendo 64DD tinha uma série de mini games extras.
SimCity 2000 ganhou versões para PC e consoles (Foto: Divulgação)
A cidade perfeita Apesar de não ter um objetivo específico, sua missão em SimCity é criar, desenvolver e administrar uma cidade. E assim como na vida real, o jogo impõe diferentes obstáculos, como crimes, desastres naturais e diversos outros fatores que podem influenciar seu progresso. Porém, há pessoas que levaram esse objetivo ao extremo para criar a metrópole perfeita. Estamos falando de Magnasanti, uma cidade com 6 milhões de habitantes, sem crimes ou qualquer tipo de problema. A metrópole “perfeita” foi um estudo de Vincent Ocasla, ex-aluno de arquitetura, que dedicou quatro anos da sua vida estudando equações para obter a fórmu...


>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.