A operadora Claro recebeu nesta sexta-feira (12) uma notificação do Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor) devido a uma possível restrição de acesso ao jogo Pokémon Go. Segundo a nota, a operadora deve prestar explicações claras sobre a natureza do problema enfrentado por clientes do serviço de internet 4G entre os dias 9 e 11 de agosto. O Idec evidencia que a possível discriminação de tráfego de dados é ilegal e vai contra o Marco Civil da Internet.
Problema de mapa vazio no Pokémon Go ao conectar no 4G? Saiba resolver
Claro recebe notificação por possível restrição de dados que inviabiliza o uso do jogo Pokémon Go (Foto: Reprodução/ Anna Kellen Bull e Viviane Werneck)
Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone
O órgão de defesa de consumidor ressalta que se a prática permanecer e novas denúncias surgirem, o caso será levado à Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), à Secretaria Nacional de Defesa do Consumidor (Senacon) e ao Ministério Público Federal (MPF) para que sejam tomadas as medidas cabíveis.
A Claro afirmou não ter recebido a notificação do Idec até as 18h17min desta sexta-feira. Quando surgiram os primeiros relatos de dificuldade com o game, a operadora negou ter ativado restrição de acesso. Entretanto, não informou o real motivo dos problemas relatados por seus consumidores.
O TechTudo entrou em contato com as demais operadoras para checar se há relatos de dificuldades em suas respectivas redes durante o uso...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.