Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

He-Man  , Thundercats e Garlfield são alguns dos desenhos clássicos exibidos na TV nos anos 1980. Por conta do estilo frenético, os desenhos animados sempre foram um prato cheio para empresas de games. Consoles como NES, Mega Drive, SNES e até os mais recentes tiveram títulos baseados em "cartoons". Relembre, abaixo, as animações que marcaram a infância de muitas pessoas.

Confira dez desenhos de TV da década de 90 que ganharam jogos

DuckTales

Lançado inicialmente para o NES, a adaptação do desenho do desenho Disney, DuckTales, teve direito até a versão da música-tema do seriado. No game, tinha o objetivo de controlar o "Tio Patinhas", que viajava pelo mundo em busca de tesouros perdidos da humanidade.

O título, produzido pela Capcom, é um dos grandes clássicos da era 8 bit e consegue traduzir bastante o clima de aventura da animação. Ele recebeu um remake para PCs, Xbox 360 e PS3, embora tenha trazido, na prática, somente gráficos mais refinados e próximos do desenho original. O jogo é um prato cheio para os fãs do pato mais rico da Disney.

DuckTales (Foto: Reprodução/Felipe Vinha) (Foto: DuckTales (Foto: Reprodução/Felipe Vinha))DuckTales (Foto: Reprodução/Felipe Vinha)

Inspetor Bugiganga

Apesar de a animação do "Inspetor Bugiganga" ter feito bastante sucesso no Brasil, na década de 1990, ela foi exibida originalmente nos anos 1980, gerando um título também para o NES. Só que o melhor game baseado no desenho acabou saindo somente em 1993, para o Super Nintendo.

Adaptando as aventuras do Inspetor meio ciborgue, o jogador enfrentava inimigos em um jogo de plataforma bastante comum naquela época, utilizando boa parte dos equipamentos bizarros que o personagem tinha no desenho.

Inspetor Bugiganga em ação no Super Nintendo (Foto: Reprodução/André Mello)Inspetor Bugiganga em ação no Super Nintendo (Foto: Reprodução/André Mello)

Garfield

O gato mais preguiçoso dos desenhos teve desenho animado bem conhecido entre as décadas de 1980 e 1990. Chamado de "Garfield e seus Amigos", o felino tinha como coadjuvante no cartoon o cachorro Odie, além de episódios voltados a bichinhos que moravam em uma fazenda. Na mesma época, foi lançado um game para o Mega Drive chamado "Garfield: Caught in the Act".

Garfield Caught in the Act  (Foto: Reprodução/SEGA)Garfield Caught in the Act é dos desenho icônicos da década de 1980 (Foto: Reprodução/SEGA)

Nesse jogo, Garfield acaba criando, sem querer, um monstro com peças de uma TV quebrada, o que o fez ser transportado para dentro dos filmes que ele assistira. Cada fase é um canal diferente, na qual o personagem deve enfrentar monstros em uma aventura de plataforma, tentando voltar para o sossego de sua cama. Uma curiosidade do game é que todos os "sprites" do Garfield foram desenhados a mão pelo criador do personagem, Jim Davies.

Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular

Thundercats

Um dos desenhos mais queridos da década icônica, Thundercats contava a história dos sobreviventes do planeta Thundera, que após a morte do seu planeta natal, foram para outro lugar similar à Terra. Lá, os personagens lutavam contra "Mumm-Ra", um feiticeiro mumificado que busca a espada de "Lion-O", que guarda o "Olho de Thundera".

Thundercats em sua versão para o Amiga (Foto: Reprodução/André Mello)Thundercats em sua versão para o Amiga (Foto: Reprodução/André Mello)

Parece uma história absurda, mas era bem comum para as animações dos anos 1980 e acabou gerando dois jogos na época para os videogames Amiga e Commodore 64. Os games têm o estilo plataforma e colocavam o jogador no controle de "Lion-O" contra uma horda de inimigos. No jogo, "Mumm-Ra" roubou o "Olho de Thundera" e o objetivo dos jogadores é resgatá-lo antes do fim de tudo.

Transformers

Apesar de muita gente conhecer Transformers apenas pela série de filmes lançados desde 2007, o título tem um histórico interessante que data da década de 1980, quando bonecos e o desenho dos "Autobots" faziam a cabeça de muita gente.

Transformers Devastation (Foto: Divulgação/Platinum) (Foto: Transformers Devastation (Foto: Divulgação/Platinum))Transformers Devastation baseado no visual e clima do desenho original, com missões em que você controla Autobots (Foto: Divulgação/Platinum)

O desenho ganhou adaptações para os games ainda enquanto era exibido na TV, mas esses títulos acabaram sendo exclusivos do mercado japonês.

Recentemente, a Platinum Games lançou "Transformers Devastation", para PC, Xbox 360, PS3, Xbox One e PS4, baseado no visual e clima do desenho original, com missões nais quais se pode controlar "Autobots" em suas versões de combate ou como veículos.

Os Smurfs

Baseado em uma HQ francesa, "Os Smurfs" foi uma animação de muito sucesso, inspirando diversos produtos, como brinquedos, bichinhos de pelúcia e games. Apesar de contar com alguns títulos para Amiga e Atari 2600, a versão que chegou no começo dos anos 1990 para NES, Mega Drive e SNES é a mais conhecida.

Nele, o jogador controlava um Smurf que saía da sua vila para desbravar a floresta e salvar seus amigos, sequestrados pelo maléfico "Gargamel".

Versão de Super Nintendo de The Smurfs (Foto: Reprodução/André Mello)Versão de Super Nintendo de The Smurfs (Foto: Reprodução/André Mello)

He- Man and the Masters of the Universe

He-Man é um dos desenhos mais emblemáticos dos anos 1980, exibido até hoje na TV aberta e fechada. O mais incrível é que ele conta com poucos jogos para videogame, apesar de sua popularidade e estilo, que casaria perfeitamente com o mundo dos jogos.

Mesmo assim, "He-Man and the Masters of the Universe" conta com alguns títulos para o Atari e consoles da época, mas teve presença praticamente nula até o lançamento do reboot da animação, já nos anos 2000.

Os gráficos de He-Man: Protector of Greyskull não eram dos melhores (Foto: Reprodução/André Mello)Os gráficos de He-Man: Protector of Grayskull não eram dos melhores (Foto: Reprodução/André Mello)

Esse fato não impediu que Midas Interactive Entertainment não tentasse a sorte ao lançar He-Man: Defender of Greyskull, um jogo de ação que saiu em 2005, para o PlayStation 2. No game, o inimigo "Esqueleto" ataca o castelo de "Grayskull". O jogador precisa recuperar poderes para enfrentar o arqui-inimigo mais uma vez.

G.I. Joe/Comandos em Ação

G.I Joe ficou mais conhecido pela linha de bonecos com os dedões mais frágeis do mundo e, assim como Transformers, foi uma das propriedades da Hasbro que virou desenho na década de 1980. Como era de se esperar, a propriedade ganhou, também, jogos para consoles como Atari e Amiga.

G.I. Joe (Foto: Reprodução)G.I. Joe (Foto: Reprodução)

O melhor deles foi lançado para o NES, no começo da década de 1990. O game era basicamente um “corra e atire”, mais ou menos no molde do clássico "Contra". O jogador tinha o controle de cinco personagens diferentes baseados na animação (Duke, Snake Eyes, Gridiron, Rock ‘n Roll e Blizzard) e tentava derrubar os inimigos da "COBRA".

Uma curiosidade é o fato do game ser produzido por Ken Lobb, produtor que viria a trabalhar em vários games clássicos da Rare, como Donkey Kong Country e 007 Goldeneye, onde foi homenageado com a arma "Klobb".

Tartarugas Ninja

Quem cresceu nos anos 1980 provavelmente experimentou um pouco do fenômeno das Tartarugas Ninja, que explodiram graças à animação lançada em 1987. Com jogos produzidos pela Konami, a animação teve o seu primeiro ponto alto no mundo dos games com a versão para arcades, simplesmente chamada Teenage Mutant Ninja Turtles.

As Tartarugas Ninja ganharam novos games ao longo dos anos, com destaque para Teenage Mutant Ninja Turtles: Turtles in Time, lançado para diversos consoles e considerados por muitos o melhor game baseado na série de animação.

Teenage Mutant Ninja Turtles Mutants in Manhattan: multiplayer diverte (Foto: Divulgação/Activision) (Foto: Teenage Mutant Ninja Turtles Mutants in Manhattan: multiplayer diverte (Foto: Divulgação/Activision))Teenage Mutant Ninja Turtles Mutants in Manhattan: multiplayer diverte (Foto: Divulgação/Activision)

Qual o melhor jogo inspirado por um desenho dos anos 80? Dê a sua opinião no Fórum do TechTudo.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.