Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Por Paulo Alves, para o TechTudo


Prints de tela são úteis para guardar informações mostradas em sites ou simplesmente para compartilhar um conteúdo interessante com os amigos nas redes sociais, como Instagram ou WhatsApp. Seja qual for o propósito, aplicativos de screenshot podem oferecer mais funções do que as soluções nativas para tirar print no PC — com sistemas Windows e macOS , por exemplo — ou em celulares Android e iPhone (iOS). Serviços como ScreenMaster, Lightshot, Tiny Take e Nimbus Screenshot permitem fazer anotações na imagem, copiar o conteúdo para a área de transferência ou salvar o arquivo automaticamente, entre outros recursos úteis.

Algumas ferramentas também podem ser usadas como extensões nos navegadores Google Chrome e Firefox, o que torna mais dinâmico o processo no dia a dia para quem usa a Internet com frequência. A seguir, veja os melhores apps para captura de tela que funcionam nos sistemas da Microsoft e Apple, navegadores, além de smartphones.

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

No celular

O ScreenMaster é o principal aplicativo para prints de tela no Android. O programa conta com editor integrado para anotar e desenhar sobre a imagem, além de função que permite juntar mais de um print em um arquivo único. Outro ponto positivo é o atalho flutuante capaz de capturar a tela com um toque, sem precisar usar os botões físicos do celular. No sistema do Google, outra alternativa é o LongScreenshot, app para tirar prints longos que mostram conversas inteiras do WhatsApp, por exemplo.

No iPhone, o Annotable é um aplicativo que oferece funções extras ao conjunto extenso de ferramentas de edição nativo desde o iOS 11. Com o app instalado, usuários da Apple podem fazer anotações e marcar palavras de forma inteligente em prints que contêm texto. Outra ferramenta útil no iOS é o Tailor que, assim como o LongScreenshot no Android, serve para fazer registros estendidos.

No PC

O Lightshot é um programa para Windows e Mac com editor integrado para adicionar formas e textos a prints de tela. Além disso, o software é integrado à busca reversa do Google Imagens e permite fazer upload automático das imagens capturadas para a Internet, gerando um link que pode ser compartilhado em qualquer lugar. Outro que funciona nas duas plataformas é o TinyTake, ideal para gravar imagem e vídeo da tela do computador, além de registrar um histórico dos seus prints para não perder capturas antigas.

Exclusivo para Windows, o PicPick conta com um editor de imagens mais avançado e uma capacidade grande de personalização. O app permite configurar diversos atalhos para capturar a tela inteira, a janela ativa, uma área selecionada e demais modos de print. Também é possível escolher o formato exato em que os arquivos de imagem devem ser nomeados, entre outros detalhes que devem agradar usuários interessados por customização.

No navegador

O Nimbus Screenshot é uma das melhores extensões para tirar print a partir do Chrome ou Firefox. O plugin funciona offline e permite capturar a tela de oito maneiras diferentes, que incluem opções como janela, página visitada, área desenhada e vídeo. O usuário também pode usar um programa temporizador para realizar o print após um certo tempo e, depois, fazer upload da imagem para a web automaticamente. Outra opção é o app Lightshot, que conta com extensão disponível para os dois navegadores.

Qual é o melhor app que você tem no seu celular? Opine no Fórum do TechTudo.

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.