Por Victor de Abreu, para o TechTudo

04/02/2019 07h00 Atualizado 2019-02-04T09:00:52.527Z


O Circuito Desafiante 2019, torneio de League of Legends (LoL), está cheia de estrelas. Nesta temporada, o campeonato que dá acesso ao CBLoL chama atenção pela participação de times já consagrados no cenário brasileiro e de pro players de renome. Felipe "YoDa" Noronha, por exemplo, anunciou o seu retorno para a RED Canids e já fez sua estreia na disputa. Veja, a seguir, cinco atletas de destaque que marcam presença no Circuitão neste ano.

O Circuito Desafiante 2019 começou no dia 21 e tem final marcada par 19 de março, quando o campeão e mais novo participante do CBLoL será decidido. Todos os jogos do torneio são transmitidos ao vivo em streams na Twitch e YouTube nos canais oficiais da Riot Games Brasil.

Felipe "YoDa" Noronha

Felipe "YoDa" Noronha é uma das personalidades mais conhecidas da comunidade brasileira de League of Legends. Além de ser um dos streamers de LoL mais badalados na Twitch TV, o pro player tem em seu currículo a conquista da primeira etapa do CBLoL 2017, quando vestia a camisa da RED Canids. Depois de se aposentar brevemente, o atleta volta a competir em 2019, dessa vez no Circuito Desafiante.

A carreira de pro player de Yoda começou em 2014, quando ele já era bastante conhecido nas filas ranqueadas, em especial pela campeã Katarina. No ano, ele participou do seu primeiro CBLoL pela equipe LegendsBR. Desde então, o atleta vestiu a camisa da CNB e-Sports Club, teve uma rápida passagem pela IDM Gaming, atual Uppercut Esports, e se consagrou de vez na RED Canids. Agora, ele enfrenta o desafio de tentar levar a RED de volta para a elite brasileira do LoL após o rebaixamento da equipe em 2018.

Thúlio "SirT" Carlos

Thúlio "SirT" Carlos é uma das maiores referências nacionais quando o assunto é a selva de Summoner's Rift. O atual Caçador da equipe da Falkol é um dos jogadores mais experientes dessa edição do Circuito Desafiante.

SirT começou sua carreira em 2012, quando vestiu a camisa da paiN Gaming e deu início a uma caminhada vitoriosa ao lado de grandes nomes do cenário, como Felipe "brTT" Gonçalves e Gabriel "Kami" Bohm. Em seu currículo, o Caçador tem duas conquistas de CBLoL (em 2013 e 2015) e diversas participações em competições internacionais, como no IEM Hanover em 2013, a Challenger Series norte-americana em 2017 pela Big God Jackals e o Mundial de LoL em 2015 pela paiN Gaming.

Quer comprar jogos, consoles e PCs com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Gabriel "Revolta" Henud

Contratado pela RED Canids no final de 2018, Gabriel "Revolta" Henud também é uma grande referência para os jogadores da selva no cenário brasileiro de LoL. Com campeões como Lee Sin e Elise, o jogador se destacou em sua carreira e chegou a ser considerado o melhor Caçador do Brasil em algumas temporadas competitivas.

Revolta ganhou notoriedade atuando pela Keyd, em 2013, e teve boa passagem pela CNB e-Sports Club, em 2014. Porém, ele atingiu o ápice de sua carreira quando jogou na INTZ eSports para formar a equipe que é popularmente conhecida como "Exódia". Pela INTZ, foram três títulos de CBLoL: um em 2015 e dois em 2016.

Murilo "Takeshi" Alves

Murilo "Takeshi" Alves é outro

... destaque no Circuitão 2019. O jogador iniciou sua carreira em 2012, e ganhou destaque com seu jogo agressivo nas equipes Insight eSports e NeX Impetus. Foi na CNB e-Sports Club, no entanto, que o pro player cravou seu nome de vez no cenário.

Apesar de não ter grandes conquistas em sua carreira, tendo levantando apenas a taça do Rift Rivals 2017 pela Keyd Stars, Takeshi tem o respeito da comunidade. O atleta foi uma grande referência para os jogadores da Rota do Meio e é protagonista de uma das maiores rivalidades do cenário, entre ele e Gabriel "Kami" Bohm. O encontro da dupla é considerado um dos mais aguardados nas competições e virou um verdadeiro clássico brasileiro dessa rota.

Gustavo "Minerva" Alves

Atual Caçador da paiN Gaming, Gustavo "Minerva" Alves é o último destaque da lista. O jogador possui uma característica bastante peculiar: já jogou profissionalmente em quase todas as rotas. Embora tenha a selva como seu local de atuação em Summoner's Rift hoje em dia, o pro player se destacou mais como Atirador, função que ele executou pela KaBuM! e-Sports em 2014. Esse foi o ano em que o time surpreendeu ao conquistar o CBLoL e também por obter a primeira vitória de uma equipe brasileira em um Mundial. Minerva foi um dos destaques da temporada e, apesar de não ter conquistado outro título de expressão, ainda é um dos jogadores mais respeitados do cenário.

LoL ou DOTA, qual é o melhor jogo? Opine no Fórum do TechTudo!



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.