Não está com tempo de ler? Ouça este conteúdo.

Existem diversos motivos que podem levar uma pessoa a comprar um apartamento. A realização do sonho da casa própria talvez seja o mais lembrado, mas, com certeza, ficar livre do aluguel, formar um patrimônio, aplicar o dinheiro em um investimento seguro e ter tranquilidade no futuro também são algumas das razões que as pessoas mais apresentam para justificar a compra do imóvel.

De fato, todos esses motivos podem ser reunidos em um só, que é a estabilidade financeira que a aquisição de um apartamento oferece. Neste post vamos mostrar como essa compra pode ajudar no equilíbrio das suas finanças. Confira!

Faça um planejamento

Para satisfazer todos os requisitos apontados acima você precisará fazer um planejamento financeiro, o primeiro passo para a tão desejada estabilidade financeira. Afinal, dificilmente você alcançará esse estágio de tranquilidade sem planejar.

Para tanto, coloque tudo na ponta do lápis a fim de compreender exatamente como o seu dinheiro é gasto. De maneira objetiva, anote separadamente o que é destinado para cobrir as despesas rotineiras — água, luz, telefone, escola das crianças, aluguel — e o que deve ser guardado como reserva em caso de despesas imprevisíveis, como um defeito no carro, por exemplo. Ainda, é preciso reservar o dinheiro das férias da família, do lazer, da poupança e, é claro, da compra do apartamento.

Estabeleça prioridades

Quando você tiver o seu planejamento financeiro pronto, perceberá exatamente como o seu dinheiro é gasto, o que lhe permitirá estabelecer suas prioridades, procurando entender o que pode ser dispensado ou diminuído nas despesas para formar a reserva necessária para a compra do imóvel. Por exemplo, você poderá trocar a viagem de férias que sairia cara por outra mais barata, passar as saídas com a família de semanais para quinzenais e até cortar alguns pequenos gastos desnecessários. Tudo, somado, pode significar uma boa economia, lembrando que você precisará dela para comprar um apartamento, ainda que ela represente o mínimo para dar o sinal.

Uma vez capaz de planejar suas finanças e de estabelecer prioridades, você já estará pronto para praticar os exercícios de educação financeira necessários para a obtenção da estabilidade.

Use o financiamento como ferramenta para comprar um apartamento

Se você fez a economia suficiente para o sinal, naturalmente terá que recorrer ao financiamento para pagar o restante do apartamento.

Nesse caso, o controle das suas finanças deverá ser mantido, o que é sempre saudável para quem busca a estabilidade financeira. Aliás, controlar as finanças é um hábito que permitirá que você adquira de maneira planejada tudo aquilo que pretende, como também assegurará que surpresas desagradáveis não aconteçam.

Tenha segurança após a compra

Uma vez adquirido o primeiro apartamento, você ganhará de bônus a capacidade para gerir as próprias finanças com maior atenção, o que será imprescindível para a sua estabilidade. Mais do que isso, você conseguirá aumentar o seu patrimônio com um bem que apresenta uma segurança imensa, não só como uma reserva de capital importante — que pode ser utilizada em caso de necessidade — mas também por significar a verdadeira independência financeira.

Enquanto você pagar aluguel, não poderá dizer que adquiriu essa independência, muito menos a estabilidade financeira que deseja.

E agora, está certo de que comprar um apartamento é a melhor opção? Você se tornará independente e ainda poderá fazer uma poupança extra. Dúvidas e sugestões? Deixe um comentário!


Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.