Os robôs aspiradores de pó estão cada vez mais modernos e inteligentes, com conexão com assistentes de voz e comando por aplicativo. Mas muita gente ainda tem dúvida se eles realmente valem a pena, na comparação com um aspirador de pó tradicional. Por isso, o Shoptime ajuda você a entender se um aspirador robô para sua casa é um bom investimento.

Como eles funcionam?

Um robô aspirador de pó é muito prático para a limpeza dos pisos e uma grande ajuda na sua organização e na faxina da casa, especialmente, pelo ganho de tempo. Enquanto seu robozinho cuida do piso, você pode dar atenção a outras tarefas.

Em geral, os robôs têm escovas giratórias que jogam poeira, pelos de animais e outras partículas para baixo do equipamento, onde fica o bocal que aspira a sujeira para dentro de um reservatório.

Para sua movimentação, eles possuem rodinhas, sensores e um sistema de mapeamento, que evita choques, quedas de degraus e desníveis, e ajuda a "enxergar" o ambiente, para saber por onde o aspirador já passou.

A maior parte dos aspiradores robôs têm funções de limpeza centralizada em uma área, em espiral, nos cantos do ambiente, em linha reta e zigue-zague. O modo automático alterna entre os modos pré-programados até passar por todo o local onde ele está.

Os robôs aspiradores mais simples costumam ter somente a operação automática. Já alguns modelos mais modernos possuem não apenas controle remoto, mas também funções com conectividade e inteligência artificial, para serem comandados por aplicativo no celular ou assistentes como Google Home. É possível definir horário da limpeza e, com o ambiente mapeado, escolher as áreas a serem limpas e as áreas "proibidas".

Em que piso podem ser usados?

Eles funcionam muito bem para ambientes de piso frio, madeira, taco, laminados ou cimento. Há modelos com rodas grandes e maior potência, que conseguem se movimentar também sobre carpetes e tapetes.

Existem ainda aparelhos que passam pano úmido ou com o produto de limpeza que você inserir num pequeno reservatório.

Como usar no dia a dia?

Seja um modelo mais simples ou mais completo, a melhor forma de usar seu aspirador robô é colocá-lo para rodar um cômodo por vez, para garantir que ele limpe o ambiente todo.

É essencial tirar objetos pequenos e frágeis do chão e também tapetes (ou dobrar a lateral para criar um limite físico para o robô), subir as cortinas que encostam no piso, recolher fios e cabos, onde as rodinhas e escovas podem se enrolar.

Durante o funcionamento, eles costumam contornar pés de mesas, sofás e outros apoios mais robustos. Mas não se assuste se seu robozinho arrastar uma cadeira, de vez em quando.

Por isso, o ideal é não deixá-lo funcionando totalmente desassistido. Mesmo os modelos mais modernos precisam ser vigiados, de vez em quando, para evitar algum acidente puxando um cabo ou enroscando em um tapete.

Para quem possui animais de estimação, essa regra é especialmente útil: não deixar o robô operando no mesmo ambiente em que está o seu pet. Os bichinhos podem se assustar e, no caso de um xixi ou cocô fora de lugar, o aparelho pode espalhar a sujeira, ao invés de limpá-la.

... p> No mais, não há dúvida de que os aspiradores robôs são muito úteis para você ganhar tempo e praticidade na limpeza da casa.

E você pode conhecer modelos de robôs aspiradores de pó no Shoptime, que também tem aspiradores de pó tradicionais e tudo mais o que sua casa precisa.

Confira as ofertas antecipadas do Aniversário Shoptime. Todos os dias, tem produtos com preço de aniversário e muitos cupons para você aproveitar.



>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.