Usuários do Facebook vão passar a receber alertas para ajudar a encontrar crianças desaparecidas. A novidade surgiu após uma parceria com o Centro Nacional de Crianças Desaparecidas ou Exploradas (NCMEC, na sigla em inglês). Os alertas são para pessoas que estejam usando a rede social
tanto desktop quanto no celular em áreas próximas àquelas nas quais forem
reportados desaparecimentos.
Zuckerberg aceita desafio de seguidores e cria nova página no Facebook 
Alertas serão enviados nas versões para smartphone e desktop (foto: Reprodução/Facebook)
Eles terão uma foto e a descrição da criança, além da identidade da pessoa suspeita de tê-la sequestrado e também um link para o site do NCMEC contendo informações atualizadas sobre o caso. Os usuários poderão compartilhar os alertas para ajudar com a divulgação, mas o número de alertas que cada um vai receber depende da área onde estão. Eles vão aparecer no feed de notícias, mas não vão gerar novas notificações em smartphones. O sistema de alertas para crianças desaparecidas, chamado AMBER, existe nos Estados Unidos desde 1996 e já ajudou a encontrar 725 pessoas. Muitos dos casos foram resolvidos com a ajuda do Facebook, onde usuários compartilharam os links da NCMEC, o que ajudou no reconhecimento das vítimas.
Como ficar invisível no Facebook pelo celular? Confira no Fórum do TechTudo. A gerente de confiança e...

>>> Veja o artigo completo no TechTudo

Sobre Gerência Imóveis

Única plataforma que conecta o proprietário à imobiliária e/ou corretor de imóveis com o foco em potencializar as vendas e torná-las mais seguras maximizando o tempo do corretor.